PUB

chamusca paulo betti

PUB

cms generico

Agnelo Anjos Pais, sub-chefe do quadro de honra dos bombeiros voluntários de Santarém (BVS), faleceu na quarta-feira, 15 de Fevereiro, aos 80 anos de idade, no Hospital de Santarém.

O corpo encontra-se em câmara ardente no salão nobre dos BVS até quinta-feira, às 14h30, hora a que se realiza o funeral para o cemitério de Santarém.

Nascido a 19 de Julho de 1931, Agnelo Pais foi bombeiro no activo durante 51 anos, até 28 de Fevereiro de 2001, data em que passou para o quadro de honra.

Nos voluntários scalabitanos, onde ingressou como aspirante a 22 de Julho de 1950, desempenhou funções de sub-chefe desde 1970 e foi agraciado com diversas condecorações e louvores “pela maneira briosa e exemplar como sempre desenvolveu a sua actividade”, salienta uma nota dos BVS, que, juntamente com a direcção da associação humanitária, “endossam a família as suas mais sentidas condolências”.

Foto de arquivoA PSP do Entroncamento deteve esta terça-feira, 14 de fevererio, um homem de 24 anos, suspeito de um assalto violento na mesma cidade, ocorrido a 28 de janeiro. Nesse dia, cerca da uma da manhã, uma residência onde se encontrava uma senhora de 90 anos de idade foi assaltada. Segundo a PSP, o roubo ocorreu, depois de o suspeito ter arrombado uma marquise e entrado no quarto da vítima onde a mesma pernoitava.

Uma vez no aposento, o suspeito agrediu-a e obrigou-a a entregar vários objetos em ouro, designadamente um fio, uma pulseira, um par de brincos e três anéis, sendo avaliados na altura em 1700 €, além de duas notas de dez euros.

Após comunicação à PSP do Entroncamento, efetuada por um filho da vítima, foi possível diligenciar e recuperar o produto do roubo, com exceção de 2 anéis. Ontem, depois de se apurar o alegado autor do roubo, que já tem alguns antecedentes criminais e é suspeito de outro roubo de características idênticas, este foi detido com ordem de detenção (fora de flagrante delito) e apresentado a primeiro interrogatório.

Depois de interrogado, o juiz ordenou a prisão preventiva do suspeito, que foi conduzido ao estabelecimento prisional de Torres Novas, de onde seguirá para o das Caldas da Rainha.

“O recurso sobre a matéria de facto em processo penal” é o tema da conferência que Sérgio Poças, juiz conselheiro no Supremo Tribunal de Justiça (STJ), vem dar a Santarém, na quinta-feira, 16 de Fevereiro, às 18 horas. A conferência, que vai decorrer no palácio de justiça da cidade, é uma iniciativa da Associação Forense de Santarém, inserida no ciclo “Encontros na Domus”. O debate que se segue à intervenção do juiz conselheiro será moderado pelo advogado scalabitano Madeira Lopes. Na sua carreira profissional na magistratura, que culminou com a nomeação para o STJ em Dezembro de 2010, Sérgio Poças foi juiz de direito na comarca de Santarém, onde desempenhou também as funções de formador de auditores de justiça e de juízes em regime de estágio durante oito anos. 

Mais artigos...

PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

Quem está Online?

Temos 415 visitantes e 0 membros em linha