PUB

chamusca variacoes

PUB

carnaval santarem


Coube a Pedro Mota Soares, ministro da Solidariedade e Segurança Social, a tarefa de colocar a primeira pedra no futuro lar residencial Casa João Manuel, da Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental (APPACDM).

O acto foi meramente simbólico porque, a bem da verdade, a obra já está em franco andamento, “concretizando um sonho que já leva 13 anos”, conforme referiu Maria do Céu Dias, a directora técnica da instituição.

O projecto para a construção de um lar para os utentes da APPACDM começou a ganhar forma quando, em 1999, a família Freire doou à instituição o terreno onde este equipamento vai ser edificado, no Cartaxo, avaliado na altura em 175 mil euros.

O local é uma antiga casa de campo na zona das Várzeas, onde cresceu João Manuel, o terceiro filho da família benemérita, que nasceu com trissomia 21. “A família Freire, que aprendeu o que significa ser diferente, ofereceu este prédio para que outras pessoas como o João Manuel possam ter um tecto e um lar”, explicou Maria do Céu Dias, agradecendo a generosidade e “todo o enorme apoio” que os ex-proprietários têm dado à concretização deste “projecto de persistência”.

Depois de quatro candidaturas chumbadas ao FEDER, PARES e POPH – em 2005, 2006, 2007 e 2009 – o lar residencial, que terá capacidade para 30 utentes, deverá estar concluído próximo do final deste ano, segundo Luís Amaral, presidente da APPACDM de Santarém.

“Durante o dia, os utentes mantêm as suas actividades nas nossas instalações no Vale de Santarém. No final, recolhem ao lar”, explicou o responsável, sublinhando a sua importância para o funcionamento da instituição e adiantando que os custos totais do projecto deverão rondar os 800 mil euros.

Em nome do Centro Distrital de Segurança Social de Santarém (CDSSS), Pedro Mota Soares deu à APPACDM a boa notícia de que o lar vai beneficiar de acordo de cooperação com a Segurança Social, em montantes que só ficarão definidos após a obra estar concluída e a valência entrar em funcionamento.

“Num momento difícil, em que estamos tão limitados em termos financeiros, conseguir verbas para um novo acordo com uma instituição é algo de muito positivo”, referiu à Rede Regional Tiago Leite, o novo director do CDSSS.


O jovem Ricardo Viçoso, aluno do 7º C da EB 2,3 de Fazendas de Almeirim, concelho de Almeirim, ficou em 2º lugar no concurso nacional “Uma Aventura… Literária 2012”, na modalidade de desenho – trabalho individual, para estudantes do 3º ciclo.

O prémio foi entregue na tarde do passado dia 4 de Maio, junto aos pavilhões da Editorial Caminho (que patrocinou o concurso), na feira do livro de Lisboa, e numa cerimónia onde participaram as escritoras Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada, autoras da série juvenil “Uma Aventura…”.

Este concurso contou com a participação de mais de 400 escolas do ensino básico e secundário de todo o país, num total de 10.710 trabalhos entregues, tanto individuais como de grupo.

O agrupamento de escolas de Fazendas de Almeirim aderiu à iniciativa através do grupo de educação visual. A professora responsável, Filomena Arrojado, bem como a directora de turma, Fátima Barreiro, e os pais do aluno marcaram presença na cerimónia de entrega dos prémios.

Dois indivíduos do sexo masculino, com 21 e 31 anos de idade, nacionalidade portuguesa e residentes em Abrantes, foram detidos esta terça-feira, 8 de maio, em flagrante delito, cerca das 21h30, quando estavam a furtar cabos de cobre do interior das instalações de uma cerâmica situada em São Miguel do Rio Torto, concelho de Abrantes.

A detenção, efetuada pela GNR de Abrantes, com o auxilio das patrulhas dos Postos Territoriais de Sardoal e Tramagal, deu-se no seguimento das diligências de investigação que vinham sendo efetuadas naquele local, em virtude dos furtos que o mesmo vinha sendo alvo.

Além de evitar o furto de cabos de cobre e outros artigos avaliados em cerca de 50 mil euros, a operação culminou ainda na apreensão de uma viatura ligeiro de passageiros, usada como meio de transporte pelos detidos.

Os suspeitos ficaram detidos à guarda da GNR até serem presentes a Tribunal, o que deverá acontecer durante esta quarta-feira.

Mais artigos...

PUB

PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

barquinha savel lampreia 2020

PUB

Quem está Online?

Temos 743 visitantes e 0 membros em linha