PUB

chamusca paulo betti

PUB

cms generico

De 1 de janeiro a 15 de março deste ano morreram dez pessoas nas estradas do distrito de Santarém. Apesar de preocupante, este número representa um ligeiro decréscimo em elação ao mesmo período do ano passado, em que os acidentes rodoviários provocaram 11 mortos na região. Sem alteração está o número de feridos grave que nos primeiros dois meses e meio do ano atingiu os 29, o mesmo que em 2011.

Estendendo o período de recolha de dados ao último ano de 16 de março e 2011 a 15 de março de 2012, morreram nas estradas do distrito 51 pessoas (cerca de uma pessoa por semana), menos 3 que no período homólogo entre 2010 e 2011. Nos feridos graves a tendência também é para descida, com 184 e 205, respetivamente.

Os dados são da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR) e juntam os dados recolhidos pela Polícia de Segurança Pública (PSP) e pela Guarda Nacional Republicana (GNR).

Em termos nacionais, nos primeiros 75 dias do ano morreram nas estradas portuguesas 111 pessoas, menos 32 do que em igual período de 2011, com 143 vítimas. No mesmo período foram contabilizados 381 feridos graves, contra os 423 do ano passado.

Já em termos anuais, o número de mortos na estrada no último ano, de 16 de março de 2011 a 15 de março de 2012, foi de 656, menos 85 do que no período homólogo anterior.

Segundo a ANSR, o conceito de morto ou vítima mortal utilizado neste âmbito abrange, apenas, as vítimas cujo óbito ocorre no local do acidente ou durante o transporte até à unidade de saúde.

A Feira Rural do Concelho do Cartaxo está de regresso ao centro da cidade. A iniciativa, que já se realizou em 2011, regressa dia 25 de março, das 9h00 às 14h00.

Nesta feira, os produtores locais trazem ao centro da cidade os legumes e frutas, o vinho e os licores, o artesanato e os doces regionais. A iniciativa é da Câmara do Cartaxo, em parceria com a Confederação Nacional dos Jovens Agricultores de Portugal.

O certame estabelece uma forte ligação com o mundo rural, constituindo um estímulo aos produtores e comerciantes locais, enquanto promove a alimentação saudável e agricultura sustentável, através da realização de ações de sensibilização, com enfoque especial na população escolar do concelho.

A Feira Rural é, ainda, inédita no país pela sua vertente de ajuda social. A autarquia entrega todos os meses um “cheque rural” a cada munícipe portador de Cartão Sénior, que lhes dá a possibilidade de adquirir, gratuitamente, cerca de cinco quilos de fruta e legumes.

A VII Tourada do Tomate vai marcar o arranque da temporada taurina em Salvaterra de Magos no dia 25 de Março, a partir das 17 horas.

A castiça praça de touros da vila vai ser palco de uma corrida com seis toiros de ferro e divisa da ganadaria Canas Vigouroux.

Sobem à arena os cavaleiros António Telles, Ana Batista e Pedro Salvador. As pegas estarão a cargos dos grupos de forcados amadores de Vila Franca de Xira e Salvaterra de Magos.

São “toiros com trapío que trarão à arena a transmissão e emoção tão necessária para o triunfo da festa, quer nas lides como nas pegas”, afirma em comunicado a empresa Emoção – Eventos Culturais, que chegou a acordo para a exploração da praça de toiros com a Santa Casa da Misericórdia de Salvaterra de Magos no final de Fevereiro.

O contrato de arrendamento é válido para os próximos três anos, com mais um ano de opção. Para esta primeira corrida, e visto não ter grande experiência na organização de espectáculos taurinos, a Emoção – Eventos Culturais estabeleceu uma parceria com a empresa Tauroleve.

 

Mais artigos...

PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

Quem está Online?

Temos 474 visitantes e 0 membros em linha