Uma queimada de sobrantes que se descontrolou terá estado na origem do incêndio que devastou parte da chamada encosta do Sacapeito, em Santarém, na segunda-feira, 13 de Fevereiro. Os bombeiros, que para já não avançam com certezas sobre a origem do fogo, receberam o alerta pelas 16 horas. As chamas propagaram-se rapidamente pela barreira acima, ajudadas pelo vento e pelo muito mato seco, numa zona de difícil acesso. Numa primeira avaliação ainda no terreno, os bombeiros estimaram uma área ardida que rondará os 2.500 metros quadrados. O fogo foi combatido por 22 elementos dos bombeiros municipais e voluntários de Santarém e voluntários de Almeirim, apoiados por um total de sete viaturas de combate a incêndios. Foram também accionados meios das corporações de Pernes, Alpiarça e Rio Maior, que entretanto foram desmobilizados quando o fogo foi dado como controlado.