Um jovem de Samora Correia morreu num acidente de viação ocorrido junto ao portão do Campo de Tiro de Alcochete, na manhã de quinta-feira, 22 de Dezembro. A vítima, Miguel Fernandes, de 23 anos, seguia num Smart que ficou “ensanduichado” entre os outros dois carros intervenientes no acidente, tendo falecido no local.

As causas do sinistro estão a ser apuradas pela GNR, mas tudo indica que o jovem e o veículo da frente estavam parados na estrada para ceder passagem a quem saía do campo de tiro, quando foram abalroados por uma viatura que veio de trás e não foi a tempo de parar a marcha.

Miguel Fernandes trabalhava na empresa “Home Energy, EDP Serviços”, em Setúbal, e era filho de António e Henriqueta Fernandes, uma professora do 1º ciclo muito conhecida e respeitada em Samora Correia, concelho de Benavente. “Perdeu-se uma jóia de miúdo, que tinha todo o futuro à sua frente”, disse à Rede Regional um vizinho da família, para quem “se se confirmar que ele morreu sem ter culpa nenhuma no acidente, então a desgraça é maior ainda porque nem ele nem a família mereciam nada disto”.

No local, estiveram os bombeiros voluntários de Samora Correia, de Alcochete e a GNR. O trânsito esteve interrompido nos dois sentidos durante várias horas, para a realização das operações de socorro e limpeza da via.