PUB

chamusca covid

PUB

banner cms vamostodosficarbem

A União de Freguesias de Casével e Vaqueiros, no concelho de Santarém, denunciou que o rio Alviela foi alvo de mais uma descarga poluente durante a madrugada desta quarta-feira, 25 de março.

Slide thumbnail

A situação foi detetada durante a manhã por vários populares na zona da Secalina, na aldeia de Vaqueiros, onde a água escura exalava um cheiro tóxico, e tinha espuma e vários animais mortos.
A União de Freguesias esclarece que não se trata de poluição provocada por suiniculturas ou pecuárias, mas sim de uma descarga poluente de origem industrial, vinda a montante do concelho de Alcanena.
“Infelizmente, o COVID-19 veio comprovar que o vírus das empresas de curtumes sem escrúpulos e poluentes já existe há muitos mais anos, e, infelizmente, sem consequências para os que constantemente poluem”, lê-se num comunicado da União de Freguesias, que apresentou queixa no SEPNA da GNR.

 



PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

ctx covid 19

PUB

Quem está Online?

Temos 1046 visitantes e 0 membros em linha