PUB

chamusca natal
Slide thumbnail

PUB

cimt slideshow

PUB

reino natal

PUB

elgalego 2019

Um alcoólico de 43 anos vai começar a ser julgado no Tribunal de Santarém por dois crimes de violência doméstica, cometidos sobre a própria mulher e uma filha menor, que foram ameaçadas de morte e humilhadas durante vários anos.

Slide thumbnail

A queixa-crime contra o arguido foi apresentado no passado mês de março, na esquadra da PSP de Abrantes, cidade onde o casal residia.
Segundo o Despacho de Acusação, a que a Rede Regional teve acesso, o homem chegava a casa embriagado e provocava discussões com a mulher, que era ofendida verbalmente e praticamente impedida de ter uma vida social, devido aos ciúmes do ex-marido.
Numa ocasião, o homem urinou no tapete do quarto e em cima do colchão da cama para provocar a mulher, que já não aguentava mais a relação e começou a pedir-lhe o divórcio.
Sempre que falava na separação, a mulher era ameaçada de morte pelo arguido, que lhe dizia que jamais lhe daria o divórcio e que as agências funerárias também precisavam de ganhar dinheiro.
Segundo o Ministério Público, a esposa, de 37 anos, temia pela sua vida e da filha do casal, que chegou a ser agredida fisicamente pelo pai, que sempre recusou aceitar que tem um problema de alcoolismo ou sujeitar-se a qualquer tratamento.
Após ter sido constituído arguido, o agressor está também proibido de contatar as vítimas, e aproximar-se da sua residência e local de trabalho.

 



PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

cmcartaxo natal

PUB

PUB

politeama rainhadaneve

Quem está Online?

Temos 377 visitantes e 0 membros em linha