PUB

BANNERREDEREGIONAL festival 7

PUB

fngastronomia

Os dois cavaleiros espanhóis que sofreram um aparatoso acidente de charrete na Golegã, durante uma prova de atrelagem, já regressaram a casa, na zona de Sevilha.

Slide thumbnail

O condutor da charrete teve alta do Hospital de Abrantes este domingo, 6 de outubro, ao passo que o acompanhante foi transferido para uma unidade hospitalar em Sevilha, onde vai ser submetido a uma operação cirúrgica ao fémur.
Recorde-se que o acidente na tarde de sábado, 5 de outubro, na manga do picadeiro do Largo do Arneiro, quando a dupla se preparava para competir na final do XII Concurso Internacional de Atrelagem de Tradição (CIAT) de Outono, que juntou praticantes nacionais e espanhóis.
Segundo um comunicado da Associação Portuguesa de Atrelagem (APA), “por razão não apurada, um dos cavalos teve uma reação inesperada, tendo assustado os outros cavalos da equipagem, provocando a fuga do conjunto” e, consequentemente, o despiste da charrete.
Ainda segundo o mesmo documento, “os cavalos foram imediatamente deslocados para as boxes, onde foram prontamente observados pelo veterinário do concurso, que não detetou qualquer lesão nos mesmos, não tendo sido necessário qualquer especial”.
Os animais também já regressaram a Sevilha, assinala a APA, que termina agradecendo a todos os bombeiros e profissionais de saúde que prestaram socorro neste sinistro.

Mais informação em:

Cavaleiros feridos após despiste de charrete

 



PUB

PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

Quem está Online?

Temos 872 visitantes e 0 membros em linha