PUB

chamusca ja te dou o arroz

PUB

insantarem

Dois irmãos, com 49 e 51 anos, vão aguardar julgamento em prisão preventiva depois de terem sido constituídos arguidos pelos crimes de violência doméstica, que era exercida sobre a própria mãe, e detenção de arma proibida.

Slide thumbnail

Os irmãos, residentes no concelho de Rio Maior, foram detidos no passado dia 20 de agosto, pelo Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Especificas (NIAVE) da GNR de Santarém, e já foram encaminhados para o Estabelecimento Prisional de Leiria, depois de terem sido presentes a um juiz de instrução criminal no Tribunal Judicial de Santarém.
“Os suspeitos exerciam há vários anos violência física e psicológica sobre a vítima, a mãe de ambos, de 72 anos de idade, sendo a violência praticada na residência comum da família”, explica um comunicado do Comando Territorial da GNR, que acrescenta que o irmão mais velho tem antecedentes criminais pelo mesmo tipo de crime.
Os militares realizaram também uma busca domiciliária onde apreenderam, no quarto do suspeito mais velho, uma faca com 19 centímetros de lâmina, 32 cartuchos calibre 12, duas munições de calibre 7,62mm, duas munições de salva, e cinco cartuchos calibre 9.
No comunicado, a GNR explica ainda que os mandados de detenção e de busca domiciliária “foram emitidos devido ao perigo de continuidade de violência praticada, por parte dos suspeitos”.

 



comeremcasa

 

PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

salvaterra jornadas cultura

PUB

Quem está Online?

Temos 844 visitantes e 0 membros em linha