PUB

chamusca ilha

PUB

reino natal

O primeiro encontro distrital de comissões e utentes de serviços públicos realiza-se na sede da Associação Cultural e Recreativa de Vale de Estacas, em Santarém, no próximo dia 25 de Fevereiro, a partir das 14 horas.

O objectivo é “organizar a resistência das populações”, segundo um comunicado do Movimento de Utentes por Santarém (MUSP).

De acordo com o mesmo documento, este primeiro encontro é aberto a comissões de todo o distrito, para “fazer a análise dos serviços públicos” e definir “quais as iniciativas e as formas de organização dos utentes em defesa de serviços públicos de qualidade”.

Em cima da mesa, vão estar questões como a falta de médicos e o encerramento de extensões e postos de saúde, os aumentos das taxas moderadoras, a introdução de portagens nas antigas SCUT, ou mesmo as deficiências no fornecimento de energia eléctrica em algumas zonas do Ribatejo.

“Os problemas ambientais, das comunicações ou dos serviços financeiros, que afectam quem deles precisa” e a “ameaça de privatizações da prestação de serviços” também serão assuntos em destaque, adianta o comunicado.

Centenas de alunos das escolas do 1º ciclo do concelho de Salvaterra de Magos, estão a ser sensibilizadas para o consumo da água da torneira por ser mais saudável, mais amiga do ambiente e mais económica. A iniciativa é da empresa Águas do Ribatejo e vai estender-se a mais seis municípios.

Os alunos estão a participar num ciclo de actividades integradas no projecto “Cientistas da Água” que inclui experiências no laboratório da empresa para certificar a qualidade da água. O projecto inclui ainda ações de sensibilização para o combate ao desperdício deste líquido precioso e para o consumo de água da torneira em substituição da água engarrafada e dos refrigerantes.

Os agentes educativos e os pais têm convencido as crianças para beberem da água da torneira seguindo as orientações dadas pela Direcção Geral de Saúde e pelos médicos de família e pediatras que consideram que a água da torneira é a mais completa pela diversidade de sais minerais que apresenta e apelam ao aumento da ingestão de água por ser fundamental no processo de crescimento e desenvolvimento das crianças.

Também a Associação para a Defesa do Consumidor (DECO), nas ações que tem promovido em conjunto com a Águas do Ribatejo, tem alertado para o benefício económico do consumo da água a torneira. Por exemplo 1000 litros de água custam para os clientes da Águas do Ribatejo apenas 0,35 €, menos que um garrafão de água de 5 litros, adquirido no supermercado.

Santarém é um dos três distritos que esta terça-feira, 31 de janeiro, estão em alerta amarelo devido ao frio e à persistência de valores baixos da temperatura mínima.

O alerta amarelo é o segundo menos grave de uma escala de quatro, e vigora até às 12h e surge depois de o IM ter comunicado que Portugal continental será atingido por uma descida acentuada da temperatura a partir de sexta-feira, com os valores a descerem em média seis graus centígrados.

Para Santarém está prevista uma temperatura mínima de zero graus e máxima de 17. O céu estará pouco nublado mas haverá acentuado arrefecimento nocturno com formação de geada. A proteçãocivil aconselha as pessoas a evitar estar ao frio durante muito tempo e a vestir roupa adequada à situação.

Além de Santarém também Setúbal e Évora estão sob aviso amarelo.

Mais artigos...

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

politeama rainhadaneve

PUB

Quem está Online?

Temos 751 visitantes e 0 membros em linha