PUB

chamusca covid continua

PUB

banner cms juntos

abranteshospitalfrente

A Comissão de Utentes dos Serviços Públicos do Concelho de Abantes (CUSPCA) reuniu já quase 7 mil assinaturas em defesa da manutenção da maternidade do Centro Hospitalar Médio Tejo (CHMT) no hospital da cidade.

Segundo o próprio movimento, as 6.895 assinaturas anunciadas em conferência de imprensa na quarta-feira, 10 de dezembro, "só foram possíveis com a colaboração de muito do comércio local", mas "não houve capacidade humana para levar a muitos locais a possibilidade de as populações darem o seu contributo na defesa da maternidade".

As assinaturas vão ser enviadas ao ministro da Saúde e das mesmas vai ser dado conhecimento aos grupos parlamentares, autarcas e aos responsáveis das unidades de saúde da região, explica um comunicado do CUSPCA.

Esta iniciativa "teve para já o mérito de o Ministério da Saúde vir dizer que não está decidido o encerramento da maternidade", assinala ainda a comissão de utentes, que acrescenta ainda que na reunião decorrida entre a Comissão de Utentes de Saúde do Médio Tejo (CUSMT) e o Conselho de Administração do CHMT não houve referência ao encerramento de qualquer serviço.

O abaixo-assinado foi lançado para "reafirmar a necessidade de cuidados de proximidade e qualidade", sublinhando as "constantes informações oficiais que colocam em causa a permanência de muitos serviços hospitalares, nomeadamente a maternidade".

agua reservatorio

A empresa intermunicipal Águas do Ribatejo inicia esta semana um plano de limpeza, higienização e inspeção de cerca de 70 reservatórios de abastecimento de água nos sete concelhos onde assegura a captação, tratamento e distribuição de água.

A operação inicia-se no dia 1 de dezembro, nos sistemas dos concelhos de Almeirim e Alpiarça e vai prolongar-se durante dois meses até final de janeiro com intervenções diárias em três equipamentos de manhã, à tarde e à noite.

Os trabalhos, que exigem um elevado esforço financeiro por parte da empresa, visam manter a qualidade e segurança do abastecimento de água.

Neste momento a Águas do Ribatejo apresenta uma taxa de 99,55 % de cumprimento dos valores paramétricos analisados por laboratório certificado num universo de cerca de 10 mil análises anuais. Os boletins de análise são auditados pela Entidade Reguladora que classificou a água da empresa como de “Boa Qualidade”. No ano de 2014, a empresa espera atingir um nível de qualidade próximo dos 100%, valor já alcançado no concelho de Torres Novas.

As intervenções nos reservatórios irão obrigar ao corte no abastecimento por períodos não superiores a 4h00, ou constrangimentos com redução de pressão, nos locais onde não existir alternativa para garantir o serviço.

O abastecimento aos clientes críticos será assegurado por meios alternativos com a estreita colaboração da Proteção Civil , dos Bombeiros e das autarquias locais.

Constrangimentos e cortes na primeira semana:

Segunda-feira, 1 de dezembro, das 08h00 às 13h00

Zona Alta de Paço dos Negros e Rua de São Pedro nas Fazendas de Almeirim, Município de Almeirim

Terça-feira, 2 de dezembro, das 08h00 às 13h00

Zona Baixa de Paço dos Negros e localidade de Marianos, Município de Almeirim

Terça-feira, 2 de dezembro, das 13h00, às 18h00

Constrangimentos em toda a localidade da Raposa, Município de Almeirim

Quinta-feira, 4 de dezembro, das 08h00 às 18h00

Constrangimentos em toda a vila de Alpiarça, Município de Alpiarça

Sexta-feira, 5 de dezembro, das 13h00 às 18h00

Corte de água total no Frade de Cima, Município de Alpiarça

salvaterraEPSMtuberculose

Três casos de tuberculose confirmados entre os alunos da Escola Profissional de Salvaterra de Magos (EPSM) estão a deixar os encarregados de educação bastante alarmados e a exigir o encerramento temporário do estabelecimento, para desinfeção.

Durante a semana que passou, os quase 400 elementos da comunidade escolar foram sujeitos a um mega rastreio à doença, que detetou vários casos de alunos e professores a necessitar de fazer um tratamento preventivo.

Segundo as autoridades de saúde, não se pode falar em surto nem há quaisquer razões para alarme, mas as explicações andam longe de convencer e de tranquilizar os pais.

"Quando é detetado um caso de tuberculose, esse estabelecimento deve ser de imediato encerrado e as pessoas isoladas, o que não aconteceu aqui, uma vez que a escola continua aberta", disse à Rede Regional João Remechido, pai de um aluno, para quem "se trata de uma doença perigosa e altamente contagiosa".

Preocupado com a situação, este encarregado de educação deslocou-se à escola para pedir informações à diretora de turma do filho e à direção da EPSM, que não comenta o caso e remete todas as explicações para a Delegada de Saúde do concelho de Salvaterra de Magos.

Em comunicado, a direção da escola esclarece que cumpriu o seu dever de informação obrigatória assim que teve conhecimento do primeiro caso de um aluno infetado com tuberculose, e que procederá de acordo com as indicações que lhe forem dadas pelas autoridades de saúde.

A direção da EPSM adianta ainda que, dos jovens alunos, dois deles já não apresentam riscos de contágio e encontram-se a frequentar as atividades letivas por indicação médica.

"A delegada de saúde diz que não é nada de preocupante, mas não sei até que ponto é que se está a lidar com a situação da forma mais correta", disse à Rede Regional Fátima Carvalho, mãe de uma aluna já despistada no rastreio promovido na escola, acrescentando que se sentiria mais tranquila se a escola fosse fechada para desinfeção.

"Não há qualquer razão para encerrar a escola", garantiu à Rede Regional o pneumologista José Miguel Carvalho, responsável pelo programa de tuberculose de Santarém.

Este médico do Centro de Diagnóstico Pneumológico acrescentou que "o rastreio está a decorrer normalmente e não surgiram novos casos, até ao momento. Estamos perante uma doença que é necessário detetar com algum cuidado, mas não é impeditiva de que a escola funcione normalmente, de forma alguma".

José Miguel Carvalho diz ainda compreender a preocupação dos encarregados de educação, mas sublinha que não há razões para alarme.

A direção da Escola Profissional de Salvaterra de Magos marcou uma sessão de esclarecimento aberta a toda a comunidade escolar para a próxima terça-feira, 2 de dezembro.

Mais artigos...

PUB

PUB

PUB

PUB

Scalhidraulica

PUB

PUB

promo almeirim

Quem está Online?

Temos 788 visitantes e 0 membros em linha