PUB

festival cogumelo

PUB

cms generico

O executivo da Junta da União das Freguesias de Casével e Vaqueiros quer impedir que o Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) da Lezíria encerre de vez a extensão de saúde da aldeia de Vaqueiros, onde a última consulta foi dada no passado dia 17 de setembro de 2013.

Em causa está o facto da atual direção do ACES pretender que os cerca de 200 utentes de Vaqueiros passem a ser atendidos na extensão de Casével, onde há consultas médicas em duas manhãs por semana.

"Tendo em conta esta mudança, solicitámos ao ACES que nos fosse atribuído mais um meio dia, em virtude do aumento do número de utentes. O ACES aceitou a nossa proposta, mas quer que as consultas sejam realizadas em Casével, o que nós não aceitamos", explicou à Rede Regional Carlos Trigo, o presidente da União de Freguesias.

"Não faz sentido obrigar os habitantes de Vaqueiros a deslocarem-se quando a extensão da terra tem todas as condições para que as consultas sejam lá realizadas", acrescentou Carlos Trigo, explicando que o ACES tem alegado que o posto de saúde local já não tem funcionária administrativa nem sistema informático.

"Se é por causa disso, a Junta de Freguesia compromete-se a colocar lá tudo o que é necessário e a suportar essas despesas", adiantou o presidente, lamentando a intransigência que o ACES tem demonstrado acerca desta questão.

A Câmara de Santarém, que aguarda a marcação de uma reunião com a direção do ACES, já enviou um ofício ao organismo do Ministério da Saúde a manifestar a sua total oposição ao encerramento da extensão de saúde de Vaqueiros.

A empresa intermunicipal Águas do Ribatejo está a testar um sistema inovador de eliminação de algas verdes na Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) de Almeirim/Alpiarça.

Os primeiros resultados confirmam o sucesso do equipamento, que funciona com uma unidade de ultrasons instalada na lagoa da ETAR e envia sinais de diversas frequências muito específicas para a estrutura molecular das algas. Estas frequências foram determinadas com base em estudos e investigações ao longo de vários anos e comprovaram ser as mais eficazes para controlar as algas verdes filamentosas e em flutuação mas também as algas azuis,

As algas alimentam-se de nutrientes imprescindíveis para o desenvolvimento das bactérias que são fundamentais no processo de tratamento das águas residuais. Por outro lado, quando em quantidades elevadas, as algas provocam entupimentos e impedem o normal funcionamento dos sistemas de tratamento, podendo causar danos elevados nos equipamentos.

A ETAR Almeirim/Alpiarça, funciona com um sistemas de lagoas gigantes a céu aberto inseridas num espaço de 18 hectares no Paul da Goucha, zona de proteção especial devido à sua biodiversidade. As águas residuais, após tratamento na ETAR e o respetivo controlo analítico, são encaminhadas para uma linha de água que vai desaguar à Vala de Alpiarça e depois segue para o Rio Tejo.

 

A sede nacional da Associação Cancro com Humor, uma organização tem como objetivo ajudar a ultrapassar as dificuldades dos doentes oncológicos com sorrisos, boa disposição e humor, foi inaugurada no passado dia 21 de dezembro na loja nº13 do edifício OurémReal, em Ourém.

Esta associação sem fins lucrativos tem como fundadora e presidente a oureense Marine Antunes, que, no mesmo dia, lançou o seu livro "Cancro com Humor na biblioteca municipal.

Num ambiente descontraído e informal, Marine Antunes apresentou os diversos projetos que pretende desenvolver a curto prazo, com iniciativas a decorrerem por todo o país, inclusivamente em Ourém

Segundo a própria, o objetivo passa por dinamizar a sede com a criação de “atividades inspiradoras e diferentes, que promovam o bem-estar dos doentes oncológicos, ex-doentes, seus familiares, amigos e apoiantes".

No lançamento do livro, na biblioteca municipal, Paulo Fonseca, o presidente da Câmara de Ourém, elogiou a obra por falar de "uma experiência de vida difícil", mas com uma “atitude provocantemente positiva”.

“A sociedade em geral precisa de exemplos deste género”, considerou o autarca, tendo em conta que o livro teve a sua génese quando Marine Antunes venceu um cancro na adolescência e criou um blogue para levar humor aos “carequinhas”.

A partir daí, o blogue transformou-se no "Movimento Careca Power" e Marine Antunes começou a fazer palestras humorísticas adaptando os textos de humor sobre cancro em momentos de partilha e motivação e inspirando todos a defender os doentes como seres válidos, bem-humorados e felizes.

Mais artigos...

PUB

PUB

PUB

PUB

barquinha savel lampreia 2020

PUB

PUB

PUB

promo almeirim

Quem está Online?

Temos 1242 visitantes e 0 membros em linha