PUB

chamusca covid continua

PUB

banner cms juntos

O Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT) está prestes a alcançar um registo próximo de zero, nos pedidos de consultas não atendidos, referentes aos anos de 2017 e 2018.

Slide thumbnail

A garantida é dada pela instituição num comunicado onde recorda o apelo realizado, em Maio último, pela Ministra da Saúde, Marta Temido, no sentido de no final do corrente ano não haver doentes em lista de espera para consulta externa há mais de um ano.

"No Centro Hospitalar do Médio Tejo, fruto do esforço e da enorme dedicação dos seus profissionais, os registos apontarão, no final de 2019, para números próximos de zero em pedidos de consulta não atendida, relativos aos anos de 2017 e 2018. Esforço e dedicação de todos os profissionais do CHMT que dão, assim, um exemplo de enorme vitalidade do Serviço Nacional de Saúde", pode ler-se no comunicado que aponta para que apenas 0,35% de pedidos de consulta não estejam ainda atendidos.

O CHMT refere ainda que este número foi atingido apesar do expressivo aumento do pedido de consultas provenientes do ACES Medio Tejo e de outros Agrupamentos de Centros de Saúde.

Só em Outubro, o CHMT registou mais trezentos pedidos de consultas provenientes do Cuidados de Saúde Primários, face ao mesmo período de 2018, num total de 3 489 pedidos de consulta entrados apenas neste mês de outubro de 2019.



banner fiqueemcasa

 

PUB

PUB

PUB

PUB

Scalhidraulica

PUB

Quem está Online?

Temos 514 visitantes e 0 membros em linha