PUB

chamusca arripiado

PUB

insantarem

José Niza e Henrique de Barros, ambos a título póstumo, Rui Nabeiro e Luís Fleury Filho, foram os quatro nomes escolhidos pela câmara de Santarém para receberem a medalha de ouro do município.

Na cerimónia, realizada na quarta-feira, 26 de outubro, numa cerimónia que assinalou o centésimo aniversário da primeira Constituição da República Portuguesa, foi ainda distinguido

Elísio Summavielle, ex-secretário de Estado da Cultura, que recebeu a medalha de prata.

José Niza, médico, político, músico e compositor, recentemente falecido, foi distinguido pelo seu “carácter afável e fraterno”, pelo “testemunho de uma vida entregue às causas da liberdade, da democracia e da cultura, sempre de forma impolutamente cívica e apta a granjear o reconhecimento de companheiros e adversários políticos” e pelos “relevantes contributos em importantes funções públicas”.

Já a distinção atribuída a Henrique de Barros foi justificada pela “dedicação, empenho e defesa intransigente dos valores da liberdade” e pela sua ligação “indissolúvel” à Constituição Republicana de 1976, “contribuindo significativamente para a construção do Portugal Democrático e Livre, que Santarém muito reconhecidamente respeita e se orgulha”.

Rui Nabeiro recebeu a distinção como forma de reconhecimento pela “generosidade e grandeza” dos feitos beneméritos do empresário de 80 anos de idade e 50 de “atividade industrial e comercial”, que frequentemente tem apoiado diversas iniciativas no concelho.

A Luís António Fleury Filho, ex-governador do Estado brasileiro de S. Paulo, foi entregue a medalha de ouro do município pelo “empenho e dedicação extrema” que emprestou ao projeto de criação de um polo equino nacional em Santarém, que “vai contribuir significativamente para o desenvolvimento e engrandecimento da cidade e concelho”.

Elísio Summavielle foi distinguido com a medalha de prata do município por, enquanto presidente do Instituto de Gestão do Património Arquitetónico e Arqueológico (IGESPAR), ter dado “apoio incondicional aos trabalhos de beneficiação e recuperação do Convento de São Francisco” e pelo protocolo que permitiu a passagem deste monumento para a gestão da autarquia e pela implementação, enquanto secretário de Estado da Cultura, da Rota das Catedrais em Santarém.

O presidente da Câmara municipal do Cartaxo, Paulo Caldas, anunciou esta terça-feira, 25 de Outubro, a sua renúncia ao mandato, sendo substituído pelo vice-presidente, Paulo Varanda.

Após 12 anos à frente dos destinos da autarquia, Caldas justifica a saída com novos projetos e um novo ciclo na vida pessoal e profissional, que passam, entre outros, pelo regresso ao cargo de economista na Direção Internacional do Banif, que ocupava antes de assumir a presidência da autarquia, e pela conclusão do seu doutoramento em gestão.

Na hora da saída, Paulo Caldas diz ter um sentimento de missão cumprida e garante que parte de consciência tranquila. Reconhecendo que dívida cresceu de 10 milhões de euros em 2002 para os atuais 42,6 milhões, o autarca garante no entanto que esta está a ser gerida de forma sustentada e que permitiu passar de um investimento residual para 120 milhões de euros de investimento nos últimos 10 anos, conquistando 45 milhões de euros a fundo perdido.

Afirmando que passou por momentos muito difíceis e complicados, em particular quando a sua casa foi alvo de buscas por parte da Polícia Judiciária, Paulo Caldas assegurou que os processos estão a ser resolvidos, nomeadamente os que resultaram das auditorias realizadas pelo Tribunal de Contas em 2003 e 2004, que, disse, estão em fase de recurso. Segundo disse, sempre assumiu as suas responsabilidades, tendo conseguido resolver várias questões, e atribuiu algumas das situações que viveu ao jogo sujo que tão mau nome dá à política e aos políticos.

Quanto a Paulo Varanda, militar de formação, tem 34 anos, e desde que assumiu a vice-presidência da autarquia que é tido como o sucessor de Paulo Caldas.

PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

Quem está Online?

Temos 653 visitantes e 0 membros em linha