PUB

chamusca variacoes

PUB

cms generico

Os deputados do PSD eleitos pelo círculo de Santarém receberam uma resposta completamente ridícula e despropositada por parte do Ministério da Administração Interna (MAI), em relação às obras de requalificação do quartel da GNR de Coruche.

Slide thumbnail

No passado mês de dezembro, Sónia Ferreira, Isaura Morais e João Moura entregaram na Assembleia da República uma Pergunta sobre a ausência de investimento público no distrito, onde questionavam diretamente o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, sobre o andamento das obras no posto de Coruche.
"A resposta dada pelo MAI é, no mínimo, anedótica", consideram os deputados social-democratas, pois, em vez de responder ao solicitado, "revela que está em elaboração um projeto de execução de remodelação para o Posto Territorial de Benavente, para o qual estimam lançar a empreitada em 2021 no valor de 775 mil euros".
A resposta ao PSD, que até aparece assinada por duas chefes de gabinete, Joana Figueiredo e Beatriz Lavrador, é, de facto, totalmente omissa em relação à empreitada de Coruche, mas fala em Benavente e em Alpiarça, onde estará em "fase de estudo prévio" a construção de um "edifício de raiz".
Prevê-se que "o projeto de execução seja aprovado durante o próximo ano", para "posterior início de empreitada", esclarece o governo sem o PSD lhe perguntar nada.
Sobre o posto de Coruche, como se diz em linguagem popular: batatas.

 



PUB

PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

Quem está Online?

Temos 721 visitantes e 0 membros em linha