PUB

chamusca covid responsavel

PUB

banner cms escola

Imagem de Arquivo / Ilustrativa

A presidente da Câmara Municipal de Tomar, Anabela Freitas, escreveu uma carta aberta ao Ministro do Ambiente, João Matos Fernandes; ao presidente da Agência Portuguesa do Ambiente (APA), e aos grupos parlamentares representados na Assembleia da República, onde lamenta e pede ajuda para as entidades competentes atuarem e punir os infratores que, ciclicamente, poluem o rio Nabão.

Slide thumbnail

“O rio Nabão é, não só a alma da cidade de Tomar, mas também importante afluente do rio Zêzere, e por sua vez do rio Tejo, cujos episódios de poluição, tanto e bem, preocuparam a sociedade portuguesa em tempos recentes”, diz a autarca.

Anabela Freitas recorda contactos feitos com o Ministro Ambiente desde 2016, denunciando casos de poluição, e com a APA, que até identificou potenciais focos poluidores.

Disponibilizando-se “para colaborar nas ações que se julguem necessárias para identificar os responsáveis”, a presidente da autarquia diz não aceitar como tolerável, “que ao fim de tanto tempo, num percurso de rio que acaba por não ser assim tão vasto, e com episódios nestes meses de outono/inverno sempre mais frequentes – não tenha ainda sido possível fazer o que compete, a quem compete, na salvaguarda dos interesses públicos”.



praca maior 01

 

PUB

PUB

Scalhidraulica

PUB

almeirim melao

Quem está Online?

Temos 540 visitantes e 0 membros em linha