chamusca voulevartecomigocms banner carnaval

Sociedade

constanciabombeirosvoluntarios

A Câmara Municipal de Constância emitiu um comunicado onde diz não “ter capacidade financeira para prestar mais apoio” à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Constância (AHBVC), que está a braços com graves transtornos de liquidez.

O comunicado da autarquia foi divulgado depois do comandante dos BVC, Adelino Gomes, ter dito em entrevistas a vários órgãos de comunicação social da região que a atividade operacional da corporação pode parar a partir da próxima semana por falta de dinheiro para o combustível, e que há já bombeiros a passar fome devido aos salários em atraso.

A AHBVC “é a instituição do concelho que mais apoio financeiro recebe do município”, lê-se no comunicado da autarquia, que ascende a um valor anual superior a 56 mil euros, entre outros apoios pontuais não contabilizados em termos monetários.

A Câmara Municipal “reconhece e valoriza o seu corpo de bombeiros, relevando o trabalho dos homens e das mulheres que todos os dias dão o seu melhor ao serviço das populações, mostrando a sua solidariedade com o corpo ativo, pelas dificuldades que estão a atravessar”, afirma a autarquia, mas “não pode assumir uma responsabilidade que não é sua”.

A AHBVC “tem órgãos sociais próprios que são totalmente responsáveis pelas decisões e opções que tomam, bem como serão os únicos que poderão explicar a todos e a todas como é que chegou à atual situação”, lê-se no comunicado, onde o município entende “que chegou o momento de cada um fazer uma avaliação das ações / opções, e assumir as suas responsabilidades que não podem ser imputadas nem ao município, nem a outra instituição, mas sim aos próprios.

psp velocidade

Nas últimas 72 horas, o Comando Distrital de Polícia de Santarém realizou várias operações de prevenção da criminalidade em geral e da sinistralidade rodoviária, em particular, tendo-se, entre outras situações, detido 5 condutores com excesso de álcool e 19 por excesso de velocidade.

Ao todo, a polícia fiscalizou e controlou por radar 2.888 viaturas de diferentes categorias e efetuou 377 testes de verificação de alcoolemia no sangue, tendo detetado ainda 8 casos de falta de utilização ou inexistência de dispositivo de segurança, 2 de falta ou deficiente iluminação, 22 com falta de inspeção, 5 sem seguro, 4 por utilização indevida de telemóvel, além de 45 outras infrações diversas.

Numa outra vertente, foram igualmente elaborados 5 autos de notícia por contraordenação por infrações diversas relacionadas com cães potencialmente perigosos.

a23 portagens

O parlamento chumbou esta sexta-feira, 8 de fevereiro, os projetos de resolução do PCP, BE e PEV que recomendavam a eliminação das portagens rm várias autoestradas, incluindo a A23, que atravessa o norte do distrito de Santarém.

Em relação à eliminação de portagens na A23, os projetos foram votados em conjunto, tendo sido rejeitados, com votos contra do PS e do deputado não inscrito Paulo Trigo Pereira, abstenção do PSD, CDS-PP e três deputados socialistas, e a favor do BE, PEV, PCP e 14 deputados do PS.Edite Estrela, ex-dirigente socialista e a ex-secretária de Estado Margarida Marques, votaram a favor da eliminação das portagens na A23.

Em sentido inverso, foi aprovado aprovado o projeto de resolução do PSD que recomendava ao Governo a redução de portagens na denominada Autoestrada do Pinhal do Interior, nomeadamente no troço da A13 entre o Entroncamento e Coimbra e A13.1 que liga a Condeixa.

Simulacro da Proteção Civil no Entroncamento - Fotos: José Neves