PUB

chamusca show infantil

PUB

insantarem

algemado

O homem de 36 anos suspeito de ter agredido a mulher com um machado vai ficar a aguardar julgamento em prisão preventiva por estar fortemente indiciado pelo cometimento do crime de violência doméstica.

Detido na sequência de mandados de detenção fora de flagrante delito, emitidos pelo Ministério Público de Tomar, o suspeito foi ouvido em primeiro interrogatório judicial no sábado, 9 de fevereiro, tendo ficado detido por o tribunal considerar que existiam os perigos de fuga, continuidade da atividade criminosa e de perturbação da tranquilidade pública.

Segundo a Procuradoria da Comarca de Santarém, "o arguido (...) vivia na cidade do Entroncamento com a sua companheira e 3 filhos menores e não aceitou que esta tivesse terminado a relação. Por via disso, no aludido período [entre os dias 12-12-2018 e 8-02-2019], agrediu-a por duas ocasiões, numa delas com recurso a um machado e, posteriormente, perseguiu-a e enviou-lhe centenas de mensagens escritas, algumas delas com ameaças de morte.

A investigação do processo prosseguirá na referida secção do DIAP de Tomar, especializada na investigação de crimes de violência doméstica.



opticenter rodape2

 

PUB

PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

Quem está Online?

Temos 801 visitantes e 0 membros em linha