PUB

chamuca pedro dyonysyo

PUB

urbanidade

PUB

patriciafonsecaCDSPP

A deputada do CDS-PP Patrícia Fonseca dirigiu uma pergunta ao Ministro do Ambiente no sentido de saber que diligências estão a ser tomadas junto da EDP para agilizar o processo de ligação à rede da ETAR de Fungalvaz, no concelho de Torres Novas.

Tal como a Rede Regional tinha noticiado no passado dia 6 de fevereiro, esta infraestrutura, na freguesia de Assentis, está concluída desde novembro de 2018, mas ainda não entrou em funcionamento porque a EDP não efetuou a ligação à rede de energia elétrica.

“Esta situação, confirmada aliás pela Águas do Ribatejo, não afeta apenas a ETAR, cujo custo ascendeu a 700 mil euros, mas também tem consequências em todas as estações elevatórias que no âmbito desta empreitada foram construídas”, assinala a deputada centrista.

Patrícia Fonseca alerta ainda o ministro do Ambiente para o facto do atraso estar “a prolongar os episódios de poluição na ribeira da Beselga, um afluente do rio Nabão, uma vez que, até a ETAR entrar em funcionamento, os esgotos continuam a correr diretamente para uma vala daquela ribeira”.

abrantescamaradosjovens

O programa “Câmara dos Jovens”, um projeto que pretende envolver e valorizar a opinião dos jovens através de exercícios de participação cívica junto da governação local, vai ser implementado em Abrantes.

O anúncio foi feito na última reunião pública da autarquia, onde foi também decidida a autorização para elaborar o regulamento que será depois colocado à discussão pública.

“O programa possibilitará a participação de jovens estudantes dos estabelecimentos de ensino do concelho que poderão integrar uma das listas candidatas à «Câmara dos Jovens» e ser eleitos para cumprir o mandato de um ano”, segundo uma nota de imprensa da Câmara de Abrantes.

A “Câmara dos jovens”, que deverá estar operacional a partir do próximo ano letivo, teve origem numa ideia de João Gaio e Silva durante uma alocução na data comemorativa do 25 de Abril e, posteriormente apresentada e discutida no Conselho Municipal da Juventude de Abrantes.

benaventePSreuniaocdp

António Gameiro, presidente da comissão política distrital da Federação de Santarém do PS, aproveitou a última reunião deste órgão, realizada em Samora Correia, para dizer que as reivindicações dos enfermeiros e dos professores são de “difícil compreensão” para os portugueses.

Sobre os enfermeiros, “trata-se de reivindicar um ordenado base no início da carreira que ultrapassa em muito o ordenado base de muitos professores com mais de 20 anos de carreira, só para dar um exemplo muito direto”, disse o deputado, citado por uma nota de imprensa da própria Federação do PS.

“Não se percebe que esta reivindicação esteja na base de uma greve que está a perturbar tanto, e numa área tão séria e fundamental, a vida dos cidadãos”, acrescentou Gameiro, que também deixou algumas palavras criticas à luta dos professores.

Os professores “exigem uma resposta no valor de 800 milhões de euros que, neste momento, não existem”, considerou o líder socialista, que, nesta reunião, também elogiou a concretização efetiva do processo de descentralização de competências, e lançou o tema das eleições europeias com um balanço do governo PS no plano interno.

António Gameiro, segundo a mesma nota, sublinhou que “o quadro macro-económico desenhado em 2015 tem vindo a ser cumprido à risca” e que “o Governo tem alcançado resultados que devem orgulhar-nos a todos”.

A presidente da CPD, Maria do Céu Albuquerque, colocou a tónica na necessidade de, “com base nos resultados alcançados, promover a mobilização de todos para a participação no debate das europeias, que tem de estar centrado em causas fortalecedoras de uma sociedade mais coesa e do papel de Portugal”.

Mais artigos...

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

Quem está Online?

Temos 673 visitantes e 0 membros em linha