chamusca-celia-barrocabanner festas

resitejo-app

A Resitejo, empresa que gere e trata os lixos de 10 concelhos do distrito de Santarém, lançou este sábado,15 de dezembro, uma aplicação interativa móvel (APP) que, entre outras funções, inclui um “descomplicador” de resíduos, onde o utilizador pode saber o que deve ou não colocar nos ecopontos, e a localização de ecopontos e ecocentros.

A ferramenta inclui ainda uma lista de perguntas e respostas frequentes (FAQ’s), para que o utilizador possa obter respostas às principais questões relacionadas com a temática dos resíduos urbanos.

A APP inclui igualmenteum sistema de mensagens e alertas aos utilizadores, bem como informações sobre a empresa e um local onde o utilizador possa reportar problemas com a recolha ou os equipamentos.

A APP tem ainda disponível uma funcionalidade dedicada à recolha porta à porta,uma aposta para os anos de 2019 e 2020, com calendários, alertas e agendamento de recolhas.

A Resitejo, Associação de Gestão e Tratamento dos Lixos do Médio Tejo, foi constituída em 1996 com uma área de intervenção de 10 concelhos: Alcanena, Chamusca, Constância, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Golegã, Santarém, Tomar, Torres Novas e Vila Nova da Barquinha.

Tem uma área de influência de 2.466km2 e processa anualmente mais de 80 mil toneladas de resíduos produzidos pelos seus 209.587 habitantes (Censos, 2011).

A APP pode ser descarregada na Play Store da Google.

Simulacro da Proteção Civil no Entroncamento - Fotos: José Neves