chamusca voulevartecomigocms banner carnaval

Educação

torresnovasbicicletas

A Câmara de Torres Novas ofereceu um total de 40 bicicletas às escolas do 1º ciclo do concelho, tendo cada estabelecimento recebido cinco unidades, que poderão agora usar em atividades letivas, extracurriculares ou até em tempos de recreio.

Esta iniciativa está inserida no programa “Cidades Amigas das Crianças”, um projeto da UNICEF que visa desenvolver ações para “colocar em prática os direitos dos cidadãos mais jovens, valorizando e estimulando a sua participação nas mesmas”, segundo explica uma nota da autarquia.

“No plano de ação local, um dos objetivos estratégicos é facilitar às crianças o acesso a atividades lúdicas e equipamentos ao ar livre de qualidade”, explica a mesma nota da Câmara, que procedeu à entrega das bicicletas no passado dia 14 de fevereiro, no Centro Escolar Visconde S. Gião e no Centro Escolar de Riachos.

A sessão da entrega, onde marcou presença o presidente da Câmara, Pedro Ferreira, e o vereador da Educação, Joaquim Cabral, decorreu durante a aula de AFD e foi desenvolvida pelos professores das AEC.

cenfim

O CENFIM - Núcleo de Santarém vai iniciar ações de formação gratuita em Primeiros Socorros (25 horas), Liderança e Trabalho em Equipa (25 horas), Cartão Segurcard - Higiene e Segurança no Trabalho (25 horas) e Ideias, Oportunidades e Ferramentas para a Criação de um Negócio (Ciclo de formação com apoios sociais).

Os cursos já têm inscrições abertas pelo telefone 243 326 676 (Ana Paula Arroz) ou e-mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. , através dos quais poderá também obter outras informações.

essb-ae2017-18

Os alunos da direção do ano letivo de 2017-2018 da Associação de Estudantes da Escola Secundária Sá da Bandeira (antigo Liceu), em Santarém, decidiram distribuir o "lucro" que sobrou da sua gestão pelo Banco Alimentar (BA) Contra a Fome de Santarém e pela Associação Scalabitana de Proteção Animal (ASPA).

Do balanço entre as receitas e as despesas das várias atividades organizadas no passado ano letivo, sobraram cerca de 500 euros, que os alunos decidiram repartir pela ASPA (250 euros em ração para animais), Banco Alimentar (250 euros em alimentos).

Simulacro da Proteção Civil no Entroncamento - Fotos: José Neves