chamusca-valaurbanidade

Categoria: Economia

chamuscafestivalcogumelobalanco

Ao fim de três edições, o festival do cogumelo da Parreira, no concelho da Chamusca, continua a crescer em termos de atividades, de público e do interesse que desperta junto da comunidade local e dos muitos visitantes que recebe.

Da edição deste ano, que decorreu entre os dias 1 e 3 de março, o destaque vai para as presenças dos chefs Chakall, que cozinhou três receitas com cogumelos, e Marco Costa, que apresentou um bolo de chocolate e cogumelo.

Na área de exposição do festival, a edição de 2019 trouxe duas novidades, o espaço “Petiscomelo”, onde a população da Parreira foi desafiada a confecionar alguns petiscos à base de cogumelo, e o “Infomelo”, a zona central da exposição, onde estiveram representados os produtores numa espécie de mercado à moda antiga, e onde micóloga Marta Ferreira, a “guru dos cogumelos”, foi dando aos visitantes todas as informações sobre os produtos expostos.

“Fez todo o sentido para o município apoiar o desafio lançado pela União de Freguesias para a organização do festival, até porque identificámos que existiam vários produtores de cogumelos na Parreira e uma longa e antiga tradição na recolha e apanha de cogumelos silvestres nesta freguesia”, afirmou o presidente da Câmara da Chamusca, Paulo Queimado, na inauguração do certame.

“Este festival é a promoção do que de melhor se faz no concelho, mas também é uma forma de cativar outros produtores que vêm até à Parreira para participarem no festival e darem a conhecer a sua atividade económica", sublinhou o autarca.

Bruno Oliveira, presidente da União de Freguesias de Parreira e Chouto, destacou o sucesso no envolvimento da população e das associações na realização do festival.

“O festival está a ser cada vez mais marcante para a nossa freguesia e temos conseguido trazer cada vez mais pessoas à Parreira", frisou, agradecendo de forma especial o envolvimento dos seniores da freguesia que, através da Academia Sénior, “têm feito um trabalho fenomenal na decoração do evento”.

Simulacro da Proteção Civil no Entroncamento - Fotos: José Neves