chamusca voulevartecomigocms banner carnaval

Economia

nersantmontravirtualbioware

A Nersant e o Agrocluster Ribatejo desenvolveram uma montra virtual de produtos e serviços nacionais na área da bioeconomia, no âmbito do projeto financiado “Bio-Ware”.

“A montra virtual de bioprodutos e biosserviços visa potenciar a interação com agentes empresariais, empreendedores, comunidade do sistema científico e tecnológico português e comunidade em geral, com interesse no tema”, explica uma nota de imprensa da associação empresarial ribatejana.

O objetivo é “informar, através da exemplificação, sobre a oferta portuguesa de bens e serviços na área da Bioeconomia, em particular quanto ao estado da arte destes bioprodutos e biosserviços”, acrescenta a mesma nota, que espera que os mesmos “constituam uma alternativa eficaz relativamente aos produtos correntes, seja como produto final ou seja através da sua integração em processos produtivos”.

A montra virtual de produtos e serviços biológicos está já online, podendo os interessados consultar a mesma através do endereço http://bioware.nersant.pt/montra.aspx.

abrantesquiosque1maio

A Câmara Municipal de Abrantes abriu concurso público para a cedência de exploração do quiosque situado no Largo 1.º de Maio, junto ao Tribunal Judicial da cidade, numa licença que será anual e renovável automaticamente por mais quatro anos, com preço atualizável de acordo com os valores da inflação.

Na análise das propostas, são critérios de adjudicação o preço, com 80% na avaliação, e a garantia de qualidade dos serviços prestados e variedade de valência e artigos oferecidos, com 20%, segundo explica uma nota de imprensa da autarquia, que acrescenta que o processo de concurso encontra-se para consulta pública no Serviço de Notariado e Contencioso da Câmara.

Os interessados deverão entregar as propostas em carta fechada até às 16 horas do dia 4 de março, na Câmara Municipal de Abrantes, sendo que a abertura das propostas apresentadas terá lugar no dia 6 de março, pelas 15 horas, no salão nobre do edifício dos paços do concelho.

abrantestagusdbc

A Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior (TAGUS) vai realizar uma sessão de esclarecimentos sobre os termos de aceitação e os procedimentos a efetuar nos pedidos de pagamento dos projetos no âmbito do Programa de Desenvolvimento Rural (PDR 2020), no próximo dia 25 de Fevereiro, pelas 18 horas, na sua sede, em Abrantes.

Com esta iniciativa, a TAGUS “pretende aprofundar as diretrizes presentes nas normas e orientações exigidas pelo PDR 2020 e pelo Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas (IFAP), esclarecer dúvidas relativas aos procedimentos e dar exemplos práticos de situações de erro detetadas”, explica um comunicado de imprensa.

Para participar, os beneficiários devem enviar um email para Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. , ou entrar em contacto pelo telefone 241 106 000, esclarece a associação, que pretende “contribuir para que os beneficiários entreguem pedidos de pagamentos mais claros e completos, tornando mais céleres a sua análise e o respetivo reembolso”.

Simulacro da Proteção Civil no Entroncamento - Fotos: José Neves