PUB

chamusca ilha

PUB

reino natal

riomaiorcefraguas

O novo centro escolar de Fráguas, no concelho de Rio Maior, vai entrar em funcionamento já no início do próximo ano letivo, acolhendo os alunos das escolas do 1º ciclo de Fráguas, S. Sebastião, Outeiro da Cortiçada, e as crianças dos jardins de infância de Abuxanas, Outeiro da Cortiçada, Correias, Fráguas e S. Sebastião.

Os anteriores estabelecimentos de ensino que estes alunos frequentavam serão encerrados, segundo uma nota de imprensa da Câmara de Rio Maior, onde se lê ainda que a autarquia e as Juntas de Freguesia das localidades envolvidas se comprometem a assegurar os transportes das crianças.

Segundo a mesma nota, a Câmara considera que esta "mudança para o novo centro escolar, à semelhança do que já aconteceu em situações anteriores, é benéfica para os alunos, que passam a dispor de uma infraestrutura preparada, pensada e equipada para proporcionar uma melhor qualidade na educação".

Os pais, encarregados de educação e futuros alunos visitaram o novo equipamento no passado dia 13 de Junho.

Em termos de mudanças na rede escolar do concelho no ano letivo 2014 / 2015, o jardim de infância de Asseiceira passará a funcionar em conjunto com a escola do 1º ciclo local.

livros escolares

A Câmara Municipal do Cartaxo está a promover, pelo terceiro ano consecutivo, um programa de doação e troca de manuais escolares. O objetivo é promover a poupança para as famílias e incentivar a preocupação com a reutilização de bens e materiais.

A partir desta semana as famílias já podem entregar os manuais escolares que as crianças já não vão usar. A recolha e entrega são feitas na Biblioteca Marcelino Mesquita.

Para participar neste programa, chamado “Passa a Outro e não ao Mesmo”, basta entregar os livros na Biblioteca Municipal Marcelino Mesquita durante o mês de julho. Ao entregar os livros, os doadores recebem créditos para levantar novos manuais em setembro. Os livros recolhidos serão organizados por disciplina e por ano de escolaridade.

No ano letivo de 2013/2014, o projeto envolveu mais de 6.000 exemplares, com um registo de 190 pedidos.

coruchebuzioscampoferias

A Búzios de Coruche formou 60 jovens nadadores salvadores em três campos de férias pedagógicas na área da segurança aquática que decorreram nas últimas semanas, numa iniciativa que se realizou pelo 10º ano consecutivo ao abrigo do projeto "nadador salvador júnior".

Os campos de férias, que receberam jovens entre os 11 e os 17 anos, promoveram atividades na área do suporte básico de vida, primeiros socorros e salvamento aquático, complementadas por atividades desportivas (canoagem, natação, orientação, voleibol, futebol, polo aquático), educativas (toxicodependência, comportamentos de risco) e lúdicas (passeios pedestres, acampamentos, jogos tradicionais).

O objetivo da associação coruchense é ensinar aos mais novos como agir para prevenir não só o afogamento, mas também como proceder em caso de emergência médica, seja em meio aquático ou fora dele, tendo em conta que as técnicas adquiridas pelo jovens podem fazer a diferença entre a vida e a morte de uma vítima.

Desde 2005, altura em que foi lançado este projeto pioneiro, a Búzios já formou aproximadamente 400 nadadores salvadores juniores.

Mais artigos...

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

politeama rainhadaneve

PUB

Quem está Online?

Temos 683 visitantes e 0 membros em linha