PUB

chamusca variacoes

PUB

cms generico

nersantemprecrianca

Os projetos de empreendedorismo em ambiente escolar que a Nersant desenvolve por todo o distrito registam um crescimento de 15% em relação ao ano letivo anterior, envolvendo um total de 1.623 alunos em 2014 / 2015.

Segundo as contas da associação empresarial, no final deste ano letivo, os projetos desenvolvidos nas escolas já terão envolvido mais de 6.300 crianças e jovens, o que faz deste programa de empreendedorismo juvenil um dos maiores do país.

Recorde-se que a Nersant já dinamiza o "EmpCriança - Empreender no Ensino Básico" e o "EmpreEscola - Empreender no Ensino Secundário" há sete anos, ao passo que o "EmpreenderJovem - Empreender no 2.º e 3.º Ciclo" vai na sua segunda edição.

Este ano, a associação empresarial está a levar a cabo os seus projetos de empreendedorismo escolar em 54 escolas da região do Ribatejo, que se localizam em 18 dos 21 concelhos do distrito.

O objetivo destes projetos "passa claramente por, de uma forma adaptada a cada ciclo de ensino, desenvolver um projeto inovador, que sensibilize as crianças e os jovens para o empreendedorismo, desenvolva competências e atitudes empreendedoras, e associe a atividade empresarial a valores positivos", explica uma nota de imprensa da Nersant, onde a associação empresarial considera essencial "a criação de uma cultura empreendedora que habilite os futuros ativos da região e do país, a criar melhores ideias, empresas e produtos".

tomararvoresmilitares

Foi um dia diferente para as crianças da escola básica do 1º ciclo de Santo António, em Tomar.

Mais de 70 crianças tiveram a oportunidade de ajudar a plantar 200 pinheiros mansos no Regimento de Infantaria 15 (RI15) de Tomar, no passado dia 19 de fevereiro.

A ação de reflorestação, que teve como objetivo promover a salvaguarda do meio ambiente e da biodiversidade, contou com a ajuda dos professores e auxiliares de educação da escola de Tomar e de muitos militares, que explicaram às crianças a forma mais correta de colocar as árvores no solo.

A iniciativa foi organizada pelo RI15 e pela Câmara de Tomar, que tem vindo a dinamizar várias ações de florestação com espécies autóctones por todo o concelho.

refeitorio escolar

A Câmara Municipal de Salvaterra de Magos iniciou esta segunda-feira, 23 de fevereiro, o projeto “Refeitório Aberto”, cujo objetivo é dar a conhecer aos pais e encarregados de educação as condições em que os seus educandos usufruem das refeições e sensibilizá-los para as boas práticas alimentares.

Em comunicado, a autarquia explica que a inscrição dos interessados deve ser feita nos estabelecimentos de ensino, no máximo, até às 12 horas do dia anterior, sendo o número de pais e encarregados de educação por dia limitado a 2 ou 4, consoante o estabelecimento de ensino.

Os encarregados de educação poderão participar neste projeto, no máximo, três vezes por ano letivo. A refeição do encarregado de educação será paga (2,50€/refeição), sendo esse valor incluído na fatura mensal do aluno.

Mais artigos...

PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

Quem está Online?

Temos 564 visitantes e 0 membros em linha