PUB

chamusca ilha

PUB

reino natal

escola cartaxo

O presidente da Câmara do Cartaxo, Pedro Magalhães Ribeiro, defende as escolas públicas do concelho e saúda a união entre autarcas e comunidade escolar contra a decisão do Ministério da Educação (ME) de encerrar escolas.

Numa reunião de trabalho e visita a duas das três escolas da freguesia de Pontével que são propostas pelo ME para encerrar no próximo ano, Pedro Magalhães Ribeiro defendeu que as escolas não podem encerrar.

“As escolas têm condições para continuar a receber as nossas crianças”, afirmou o autarca confirmando que recebeu indicações que o Ministério queria fechar 6 escolas no concelho do Cartaxo.

Pedro Ribeiro diz que só fruto dos muitos contactos entre autarcas e dirigentes do ME foi possível inverter o cenário, referindo que, em comunicação de 2 de Junho, o Ministério da educação reconhece e aceita a manutenção das escolas de Valada, Ereira e N.º 2 de Vila Chã de Ourique.

No que respeita à freguesia de Pontével, o presidente da Câmara, afirma que a proposta que o Ministério fez chegar ainda não é a que a comunidade defende, referindo-se à proposta de que os alunos da Escola dos Casais Lagartos passem a integrar a Escola EB 1 de Pontével e que das escolas dos Casais da Amendoeira e dos Casais Penedos, apenas uma se mantenha aberta.

A reunião e a visita foi proposta pelo presidente da Junta de Pontével, Jorge Pisca, na sequência de uma outra que decorreu no dia 5 de abril, com a presença de autarcas, responsáveis dos estabelecimentos de ensino e dos pais e encarregados de educação das escolas em causa e do agrupamento, para discussão do futuro das escolas da freguesia.



PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

politeama rainhadaneve

PUB

Quem está Online?

Temos 525 visitantes e 0 membros em linha