A Escola EB 2, 3 D. João II, em Santarém, inaugurou esta quinta-feira, 26 de setembro, o chamado Ambiente Educativo Inovador, também conhecido por "sala do futuro", que têm como grandes objetivos a motivação dos alunos, a prevenção do abandono escolar e a melhoria das aprendizagens.

Slide thumbnail

Estes espaços, tecnologicamente ricos, estão equipados com computadores, tablets, quadros e mesas interativos, impressoras 3D, kits de robótica e equipamento de áudio e vídeo.

A sala está dividida em seis áreas distintas: Interagir, Apresentar, Investigar, Criar, Desenvolver e Partilhar, que permitem que os alunos aprendam num ambiente mais dinâmico, onde se estimula a interdisciplinaridade e a articulação curricular entre as diferentes matérias das diversas disciplinas.

Criada pela European Schoolnet, the Future Classroom Lab (SAF) é um ambiente de aprendizagem inspirador localizado em Bruxelas, que desafia os seus visitantes a repensar os papéis da pedagogia, tecnologia e design das salas de aula, permitindo o desenvolvimento da autonomia tanto para os alunos como para os professores, a aprendizagem multidisciplinar e o reforço da autoconfiança.

A cerimónia de inauguração desta sala, criada no âmbito do PiiCiE LT - Plano Integrado e Inovador de Combate ao Insucesso Escolar da Lezíria do Tejo, promovido pela CIMLT, contou com a presença de Ricardo Gonçalves, presidente da Câmara de Santarém, Inês Barroso, vereadora da Educação da Câmara de Santarém, António Torres, primeiro-Secretário da CIMLT - Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo e Adélia Esteves, Diretora do Agrupamento de Escolas Sá da Bandeira, Júlio Rodrigues, presidente do Conselho Geral do Agrupamento de Escolas Sá da Bandeira, professores, alunos e funcionários.