PUB

chamusca marialva

PUB

urbanidade

PUB

“Queremos a mudança… Mas agora!” é o nome de um vídeo produzido por alunos do curso de Artes Visuais da Escola Secundária Ginestal Machado, em Santarém, onde exigem a remoção imediata de todas as estruturas de amianto que se encontram espalhadas pelo estabelecimento de ensino.

Slide thumbnail

O projeto foi desenvolvido por duas turmas de 12º ano na disciplina de “Oficina de Artes”, orientada pela professora Natália Santos, e teve por objetivo chamar a atenção da comunidade educativa para os perigos latentes da exposição ao amianto, um material altamente cancerígeno e já proibido dentro de recintos escolares.
Para a sua concretização, os alunos de artes foram abordando colegas, professores e funcionários, perguntando-lhes “há quantos anos está nesta escola?”.
De seguida, e perante a resposta, convidaram-nos a escrever o seu nome e o número de anos de exposição numa máscara branca, pedindo-lhes que a usassem ao longo do dia, como forma simbólica de alertar para a necessidade urgente de retirar todo o amianto na escola.
Uma das alunas, Tatiana Gonçalves, foi tirando fotos e fazendo pequenos vídeos das abordagens aos colegas, tendo decidido juntar o seu material audiovisual ao de outros colegas para montar um filme final do projeto (que pode ser visto na Galeria de Vídeos na homepage da Rede regional).
Segundo esta jovem estudante, de 18 anos, esta ação está a ter um impacto muito positivo a nível da sensibilização, até porque encontraram alunos que desconheciam os riscos do amianto para a saúde, e houve outros estudantes que até fizeram questão de usar a máscara na escola, no dia seguinte.

santarem amianto video ginestal02

 



PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

Slide background

Quem está Online?

Temos 543 visitantes e 0 membros em linha