PUB

chamusca natal

PUB

cimt slideshow

PUB

reino natal

PUB

elgalego 2019

Economia

A Câmara Municipal de Santarém aprovou a criação de 21 novas áreas de reabilitação urbana (ARU’s) nas 18 freguesias do concelho, que darão benefícios fiscais a quem pretenda investir na reabilitação do património edificado.

Slide thumbnail

O objetivo é “incentivar a tendência de reocupação dos núcleos urbanos com habitação, comércio e serviços, conferindo-lhes uma dinâmica própria e mais atual, para além de salvaguardar os conjuntos de edifícios que fazem parte da história do local”, explica uma nota de imprensa da autarquia.
A aprovação das ARU’S, segundo o município, permite a criação dum quadro de benefícios fiscais aos munícipes, associados aos impostos municipais sobre o património, designadamente o Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) e o imposto municipal sobre as transmissões onerosas sobre imóveis (IMT).
A Câmara, em conjunto com as Juntas de Freguesia do concelho, vai atribuir a isenção do IMI por um período de três anos a contar do ano da conclusão das obras de reabilitação, podendo ser renovado, a requerimento do proprietário, por mais cinco anos no caso de imóveis afetos a arrendamento para habitação permanente ou a habitação própria e permanente, explica a mesma nota.
Relativamente ao IMT, passam a usufruir da isenção as “aquisições de imóveis destinados a intervenções de reabilitação, desde que o adquirente inicie as respetivas obras no prazo máximo de três anos, a contar da data de aquisição”.
“Para além dos benefícios fiscais associados aos impostos municipais, há ainda lugar a incentivos fiscais em sede de Imposto sobre Rendimentos de Pessoas Coletivas (IRC), Imposto sobre Rendimentos de Pessoas Singulares (IRS) e Imposto sobre Valor Acrescentado (IVA)”, acrescenta a mesma nota.



PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

anuncio2020

PUB

cmcartaxo natal

PUB

PUB

politeama rainhadaneve

Quem está Online?

Temos 476 visitantes e 0 membros em linha