PUB

chamusca ja te dou o arroz

PUB

insantarem

Economia

A Águas do Ribatejo está a construir uma nova estação elevatória de águas residuais (EEAR) no Parque Fluvial do Porto do Carvão, junto ao rio Tejo, numa empreitada que contempla ainda um novo emissário e rede para a drenagem das águas residuais até à ETAR da Chamusca.

Slide thumbnail

O objetivo deste investimento de quase meio milhão de euros, financiado pelo Fundo de Coesão da União Europeia, “é garantir o tratamento eficaz e seguro das águas residuais provenientes da Zona Industrial, da Zona Norte da vila e da rua do Rone”, explica um comunicado de imprensa da empresa intermunicipal.
As obras, segundo o mesmo documento, incidem na zona do parque fluvial, Rua do Porto do Carvão, Travessa do Porto do Carvão, Avenida Dr. Izidro dos Reis, Rua Engenheiro José Belard Fonseca, Rua Nova das Hortas e Rua Anselmo de Andrade, e deverão estar concluídas até ao final do Verão.
A nova estação terá um horizonte temporal de 30 anos para a construção e 15 anos para os equipamentos, tratando-se de uma infraestrutura que será enquadrada numa zona de lazer e estará preparada para servir uma população de 3360 habitantes.
Após o tratamento das águas residuais na ETAR da Chamusca, as águas limpas serão devolvidas ao Rio Tejo, explica a Águas do Ribatejo.

 



banner comer em casa

 

PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

salvaterra jornadas cultura

PUB

Quem está Online?

Temos 621 visitantes e 0 membros em linha