PUB

chamusca natal

PUB

cimt slideshow

PUB

reino natal

PUB

elgalego 2019

João Veríssimo é rápido nas alas, polivalente e tem bons pés para jogar à bola, mas decidiu trocar as botas de futebol por um apito e dois cartões coloridos. Até aqui nada de estranho, a não ser o facto de ter apenas 13 anos e ter dirigido a sua primeira partida oficial de um campeonato de futebol no sábado, 7 de Janeiro.

Depois da partida entre o União de Almeirim e o Salvaterrense, em escolas, que os forasteiros venceram por 9-1, tornou-se no árbitro mais jovem de sempre a apitar um jogo de futebol, em Portugal.

A mãe, Célia Veríssimo, é a principal responsável pelo facto do jovem ter tirado o curso de arbitragem de nível I na Associação de Futebol de Santarém, em Novembro de 2011. “Li uma entrevista onde um miúdo de 15 anos dizia que tinha o sonho de ser árbitro. Como o João tinha deixado de jogar futebol há pouco tempo pensei que talvez fosse algo que ele gostasse de experimentar. E assim foi”, explicou a mãe à Rede Regional. A progenitora afirma ainda já ter explicado ao filho que “ele vai ter que aprender a ouvir chamarem-lhe muitos nomes feios”. O que no sábado não aconteceu, pois ouviram-se apenas aplausos e palavras de incentivo.

“No início estava bastante nervoso, mas fui descontraindo ao longo do jogo e acabei por fazer boa figura. Acho que não errei em muitos lances”, disse João Veríssimo à Rede Regional minutos depois da estreia.

O destino colocou em campo o seu antigo clube, o U. Almeirim, onde jogou até 2011, como iniciado. “Para mim, foi importante o primeiro jogo ser aqui em Almeirim porque senti-me muito acarinhado pelos dirigentes da casa”, acrescentou o jovem árbitro, que se mostra satisfeito com a opção que tomou. “Ao princípio, os meus amigos acharam estranho ter deixado de jogar e ir tirar o curso de árbitro. Agora, acham muito engraçado e dão-me todo o apoio”, desabafa. Natural de Almeirim, João Rodrigo Veríssimo frequenta o 8º ano na EB Febo Moniz. É bom aluno e quer seguir um curso superior de desporto, quando chegar à universidade.

“Ele pode já perfeitamente dirigir um jogo de seniores, mas é óbvio que o conselho de arbitragem o vai proteger nesta fase de aprendizagem”, afirmou Jorge Maia, o árbitro dos quadros da Federação Portuguesa de Futebol que apadrinhou a estreia do jovem.

Na análise ao seu desempenho, Jorge Maia explicou que, “além de ter muita personalidade, o João mostrou aqui pequenos pormenores que indicam um grande potencial, desde a postura dentro de campo ao acompanhar sempre de perto os lances”. “Poucos estariam tão bem como ele esteve”, concluiu. 



PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

anuncio2020

PUB

cmcartaxo natal

PUB

PUB

politeama rainhadaneve

Quem está Online?

Temos 366 visitantes e 0 membros em linha