PUB

chamusca ja te dou o arroz

PUB

insantarem

A Direcção-Geral do Património Cultural (DGPC) deu esta semana parecer favorável ao projeto da nova Casa do Benfica de Santarém, a construir no Jardim da Liberdade.

Slide thumbnail

Este parecer era indispensável ao avanço do projeto, que está a ser apreciado pela Câmara de Santarém desde o início de julho, e que deverá ser levado brevemente para votação do executivo municipal.

Contactado pela Rede Regional, o presidente da Câmara de Santarém, Ricardo Gonçalves, confirmou a receção do parecer da DGPC e manifestou-se “muito satisfeito” com a decisão.

“Esta decisão vem provar que aqueles, poucos, que tudo fizeram para parar o projeto, junto desta e de outras entidades, não estavam interessados no futuro e crescimento de Santarém, mas sim em fazerem provas de vida política.

Recorde-se que segundo a calendarização inicial apontada pelo clube encarnado, a nova Casa do Benfica de Santarém, a primeira da geração 2.0 a abrir em Portugal, já devia estar em funcionamento. No entanto, uma queixa apresentada à DGPC na sequência do manifesto "Por um Jardim da Liberdade inclusivo", subscrito por um grupo de 32 pessoas que não concorda com a instalação do equipamento naquele local e que recomenda que a localização do projeto fosse repensada, atrasou o processo.

MAIS DE 2 DEZENAS DE POSTOS DE TRABALHO A CAMINHO

Se o projeto definitivo do Sport Lisboa e Benfica for aprovado, a abertura da nova Casa do Benfica de Santarém vai permitir criar 22 a 26 novos postos de trabalho.

A maior parte dos empregos diretos a criar serão no restaurante scack-bar 100 Montaditos, que vai recrutar 15 a 17 funcionários nesta primeira fase.

O Benfica Ativo, um projeto de centro de estudos e atividades de ocupação dos tempos livres de jovens e seniores, que funcionará de segunda a sábado sob a gestão da Tempos Brilhantes, irá contar com 5 a 6 colaboradores, enquanto a Store Benfica, que funcionará em conjunto com a Casa Campião, permitirá criar 2 a 3 postos de trabalho.

O projeto que o Benfica quer desenvolver na zona das atuais cafetarias devolutas do Jardim da Liberdade, em frente ao tribunal, prevê que 90% dos funcionários a recrutar sejam residentes em Santarém.



Comentários   

0 #1 Joana Isabel Santos 30-08-2019 23:50
Bom dia
Gostaria de saber onde podemos enviar o nosso currículo.
Citar

banner comer em casa

 

PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

salvaterra jornadas cultura

PUB

Quem está Online?

Temos 1121 visitantes e 0 membros em linha