PUB

chamusca paulo betti

PUB

cms generico


“O Marido Caído no Laço” e “Uma Noite Bem Passada” são as duas peças de teatro que vão ser levadas à cena nas antigas oficinas da Auto-Alcanhões, em Alcanhões, concelho de Santarém, no próximo sábado, 19 de Maio, às 21h30.

Sobe ao palco um grupo de jovens actores amadores composto por Paulo Ramos, Laura Silveira, Adriana Sousa, Gustavo Ferra, Leonardo Sousa, Inês Duarte, Isaac Pimenta e Inês Filipa, dirigidos por José Silvino e José Ruivaco, que prometem uma noite de teatro à moda antiga.

A organização é da Associação Popular de Alcanhões (APA).

Os bilhetes podem ser adquiridos na Galeria, em Alcanhões, e custam 4 euros para os associados da APA e 6 euros para não sócios.

 


Um ano depois de ter apresentado a Missa em Dó de Beethoven, o Coral Sinfónico de Portugal (CSP) regressa ao Teatro Virgínia, em Torres Novas, para apresentar uma gala de ópera no domingo, 13 de Maio, pelas 17 horas.

Os músicos e coralistas sobem ao palco para interpretar algumas das mais belas músicas clássicas do bel-canto dos mais conceituados compositores de ópera, em particular pelas partituras de grandes compositores do século XIX oriundos de Itália, Alemanha, França e Rússia.

“Verdi e a sua vertente clássica da ópera fazem as honras da casa com excertos de Nabucco e Aida, o realismo de Puccini revela-se numa peça de Madame Butterfly”, adianta uma nota de imprensa do CSP, onde o grupo acrescenta que se segue “o ritmo contagiante de Carmen de Bizet, o dramatismo de Fausto de Gounod, a ópera romântica de Wagner e a graciosidade e energia sugeridas por coro e orquestra nas Danças Polovtsianas de Borodin”.

Esta gala de ópera, que conta com a participação especial do Coro Juvenil do Choral Phydellius, realiza-se sob a direcção artística de Saraswati.

Criado em Torres Novas em 1991, o Coral Sinfónico de Portugal reúne coralistas de diferentes geografias, culturas, idades e níveis musicais, sendo composto por cantores de diferentes zonas do país, em especial da zona centro.

Segundo o mesmo documento, o CSP, que ensaia na Quinta Vishudda, reúne neste momento cantores oriundos de Abrantes, Alcanena, Alhos Vedros, Alpiarça, Barreiro, Caldas da Rainha, Cascais, Chamusca, Coimbra, Dornes, Entroncamento, Estoril, Fátima, Fernão Ferro, Golegã, Leiria, Linda-a-Velha, Lisboa, Loures, Minde, Mira de Aire, Miraflores, Oeiras, Ourém, Paço d’Arcos, Riachos, S. Domingos de Rana, Santarém, Seixal, Setúbal, Sintra, Tomar, Torres Novas e Vila Nova de Barquinha.


Seis ranchos folclóricos vindos do Alentejo, Algarve, Minho e Douro vão participar no festival nacional de folclore Samora Correia, concelho de Benavente, que se realiza no sábado, dia 12 de Maio.

O folclore começa a mostrar-se a partir das 16h30, num desfile etnográfico dos ranchos pelas principais ruas da cidade.

O encontro prossegue depois às 21h30, com um espectáculo no salão nobre da Sociedade Filarmónica União Samorense (SFUS), em que o racho folclórico Ceifeiras e Campinos fará as honras da casa.

A organização é da SFUS, no âmbito das comemorações dos seus 91 anos de existência.

As entradas são gratuitas.

Mais artigos...

PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

Quem está Online?

Temos 440 visitantes e 0 membros em linha