PUB

chamusca ilha

PUB

reino natal

O Centro Cultural Regional de Santarém – Fórum Mário Viegas está a promover o Prémio de Poesia Actor Mário Viegas, concurso que tem por objectivo estimular e incentivar a produção literária, nomeadamente a produção poética.

O valor pecuniário do prémio a atribuir é de 2.500 euros, sendo que as obras a concurso terão de ser inéditas. Os prémios serão atribuídos por um júri constituído por cinco personalidades de reconhecido mérito e idoneidade intelectual, sendo presidido por um representante da Sociedade Portuguesa de Autores.

A obra vencedora será impressa, em primeira, pelo Centro Cultural Regional de Santarém, sendo a tiragem de 500 exemplares.

Os originais a concurso deverão ser enviados para o Centro Cultural Regional de Santarém – Fórum Actor Mário Viegas, Rua Dr. Joaquim Luís Martins, n.º 16, 2000-141 Santarém – até dia 30 de Abril de 2012 devendo constar no invólucro a indicação “Concorrente ao Prémio de Poesia Actor Mário Viegas 2011-2012”.

“Não se ganha, não se paga” é o nome do novo trabalho que o Veto Teatro Oficina tem de momento em preparação.

A peça, cuja encenação está a cargo de José Ramos, é uma comédia construída a partir de um texto original de Dário Fó, que procura reflectir sobre os actuais momentos de crise vividos pela sociedade portuguesa e europeia.

“Não se ganha, não se paga” vai ser apresentada pela primeira vez a convidados e à comunicação social na sexta-feira, 24 de Fevereiro, às 21h30, ficando depois em cena no Teatro Taborda do Círculo Cultural Scalabitano.

O Parque das Laranjeiras, em Almeirim, vai ser palco do primeiro encontro infantil de folclore, no sábado, 25 de Fevereiro, a partir das 16 horas, organizado pelo rancho folclórico da Casa do Povo de Almeirim.

Além da escola de folclore do grupo organizador, sobem também ao palco o rancho infantil de Fazendas de Almeirim, o rancho folclórico infantil da Casa do Povo de Pinhal Novo, e o rancho infantil de Moreira da Maia.

Esta iniciativa ocorre um dia depois do grande jantar que vai assinalar os 56 anos de existência do rancho folclórico da Casa do Povo de Almeirim, e que servirá também para homenagear um dos fundadores deste agrupamento etnográfico, o historiador local António Cláudio.

O repasto decorre no salão Moinho de Vento, em Almeirim, a partir das 20 horas.

Mais informações em http://www.rederegional.com/index.php/cultura/704-rancho-de-almeirim-presta-homenagem-ao-seu-fundador.html.

Mais artigos...

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

politeama rainhadaneve

PUB

Quem está Online?

Temos 737 visitantes e 0 membros em linha