PUB

festival cogumelo

PUB

cms generico

As três touradas realizadas em 2019 pela Associação “Praça Maior” na Monumental Celestino Graça, em Santarém, tiveram um impacto económico superior a um milhão de euros e reuniram mais de 25 mil espetadores.

Slide thumbnail

Os números são de um estudo realizado pelo Instituto Politécnico de Santarém (IPS), que englobou um total de 705 inquéritos, e que avaliou diversos indicadores relacionados com os referidos espetáculos e seus espetadores.

Um dos primeiros dados é o número de pessoas envolvidas, que ultrapassou os 25 mil, sendo 24.231 referentes a entradas e 929 de outros intervenientes, num total de 25.160 participantes.
A corrida de 17 de março, inserida nas Festas da Cidade, foi a mais participada, com um total de 8.722 entradas e mais 315 intervenientes, num total de 9.037 participantes. Seguiu-se a de 16 de junho (8.647 participantes) e a de 10 de junho (7.476).

No que diz respeito aos dados refentes ao sexo e idade dos espetadores, 60 por cento dos presentes são do sexo masculino, e quase um terço (29%) têm entre 18 e 24 anos. Segue-se o escalão dos 55-64 anos, com 19% dos espetadores e o dos 54-54 com 17%.

Em termos geográficos, apenas 36% dos espetadores são residentes no concelho de Santarém, e dos 64% que vieram de fora, mais de um quarto (26%) não vinham a santarém há mais de 6 meses. Dos que vieram de fora, 92% veio de propósito a Santarém por causa das Corridas de Toiros.

RESTAURAÇÃO FATURA MAIS DE 300 MIL EUROS

O estudo do IPS sobre as touradas em Santarém envolveu também a vertente económica e os gastos estimados dos espetadores em restauração atingiram, no total das 3 corridas, cerca de 300 mil euros.
Os dados indicam que a maioria (51,46%) gastou até 20 euros em refeições mas 13% gastou mais de 40 euros. Já as deslocações, todas somadas, representaram gastos de 135 mil euros.

Perguntou-se ainda aos aficionados se além da corrida de touros tinham, nesse dia, visitado as Festas da Cidade (na corrida de março) ou a Feira Nacional da Agricultura (nas corridas de junho). 51,93% disseram que sim (total de 13.064,54 pessoas). Perguntou-se, em seguida, se teriam visitado esse evento se não fosse a tourada. 55,44% disseram que não (7.243 pessoas).

O estudo diz que esta associação de eventos originou ganhos de 153 mil euros, a que acrescem mais 270 mil euros relativos aos custos de operação (organização) com os espetáculos propriamente ditos.

Tudo junto, o estudo aponta para um impacto de cerca de um milhão de euros para este primeiro ano de atividade da associação Praça Maior, criada no início de 2019 por um grupo de aficionados com fortes ligações a Santarém com o objetivo de revitalizar a atividade taurina na Praça de Toiros “Celestino Graça” e devolver a praça à sua cidade.



PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

barquinha savel lampreia 2020

PUB

PUB

PUB

promo almeirim

Quem está Online?

Temos 1608 visitantes e 0 membros em linha