PUB

chamusca covid continua

PUB

banner cms juntos

A Associação Casa-Memória de Camões, de Constância, revelou esta sexta-feira, 1 de novembro, que obteve a classificação para o projeto de “programação e valorização da Casa-Memória de Camões em Constância - 2019/2020”, para “efeitos de mecenato cultural”.

Slide thumbnail

“[A declaração da tutela] representa o corolário do esforço que vem sendo desenvolvido, em especial nos últimos anos, com vista a reunir as condições que permitam, finalmente, abrir ao público este equipamento de homenagem ao nosso maior poeta”, refere a associação.

A Casa-Memória dedicada a Luís Vaz de Camões está num edifício erguido a partir das ruínas de uma casa de finais do século XV ou XVI, que sofreu várias alterações e onde se estima que terá vivido o poeta aquando do seu desterro no Ribatejo entre 1548 e 1550.

As ruínas da casa quinhentista foram classificadas como imóvel de interesse público em 1983. Sobre elas, depois de consolidadas, foi erguida a Casa-Memória de Camões, segundo projeto da Faculdade de Arquitectura de Lisboa. As obras, iniciadas em 1991, arrastaram-se por vários anos devido à dificuldade sentida pela Associação da Casa de Camões para reunir os financiamentos necessários.

A Associação Casa-Memória de Camões em Constância, que já realiza várias atividades culturais no edifício, considera que a declaração de interesse cultural contribui para o esforço da constituição dos conteúdos que viabilizem a sua abertura ao público.



banner fiqueemcasa

 

PUB

PUB

PUB

Scalhidraulica

PUB

promo almeirim1

Quem está Online?

Temos 929 visitantes e 0 membros em linha