PUB

chamusca ja te dou o arroz

PUB

insantarem

Música barroca, exposições, fados, visitas a locais históricos, e publicações de novas obras são algumas das iniciativas programadas nas Jornadas de Cultura de Salvaterra de Magos, que decorrem de 13 a 29 de setembro em todo o concelho.

Slide thumbnail

O objetivo é, segundo uma nota de imprensa da autarquia, “dar a conhecer a história e a identidade do concelho através da dinamização de um vasto conjunto de atividades de índole cultural”.
Esta 6ª edição abre com música no dia 13 de setembro, na Igreja Matriz de Salvaterra, às 21 horas, com a violinista Natália Juskiewicz, acompanhada por Rodolfo Godinho na guitarra portuguesa, Eduardo Lemos na viola de fado, e com a soprano Patrícia Modesto, a mezzo soprano Joana Diniz da Fonseca e o guitarrista Augusto Bachera.
Na mesma noite, será apresentado o livro "O Marquês que Desafiou a Morte", de Fernando de Almeida e Vasconcellos, um romance histórico que decorre no século XIX, abordando a forma como se encarava a política em Portugal nesse período e dando enfoque à vivência da família real em Salvaterra de Magos.
No sábado, 14 de setembro, a Falcoaria Real volta a ser palco do lançamento do sexto livro infantojuvenil editado pela Câmara Municipal, no caso “Niki e Vicky – Assalto em Salvaterra”, da autoria de Thereza Ameal, com ilustrações de Miguel Cardoso, será apresentado no sábado.
“O livro é de distribuição gratuita a todas as crianças presentes, mas a autarquia sugere que o mesmo possa ser trocado por uma embalagem de cereais, que será depois distribuída através do projeto municipal Loja Social”, explica a mesma nota.
Ainda no sábado, às 16 horas, na galeria de exposições da Falcoaria Real, será inaugurada “TIRÉE PAR … A Rainha Dona Amélia e a fotografia", uma exposição que teve como fonte principal a coleção de fotografia do Museu-Biblioteca da Casa de Bragança e a coleção do Palácio Nacional da Ajuda, com o objetivo de celebrar os 150 anos do nascimento da Rainha D. Amélia (2015).
À noite, pelas 21 horas, “o fado volta a marcar presença no pátio exterior da Falcoaria Real, com a presença de Buba Espinho e Beatriz Felício, acompanhados pelos músicos Bernardo Romão e Bernardo Saldanha, com a presença do saxofonista Ricardo Viegas”, explica a Câmara, que vai aproveitar este espetáculo para prestar homenagem a João António Travessa, fadista natural de Salvaterra de Magos.
Na Glória do Ribatejo, entre os dias 19 e 21 de setembro, o “Mundus Glória Fest” junta música tradicional e contemporânea, sons africanos, poesia, gastronomia, entre outros, numa iniciativa que vai ainda contar com um colóquio, ranchos folclóricos, música rock, cante alentejano e bandas filarmónicas, entre muitos outros motivos de interesse.
Na freguesia de Muge, no sábado, 20 de setembro, a Câmara Municipal vai promover a apresentação do projeto “Muge Portal - Concheiros de Muge: Um novo portal para os últimos caçadores-recolectores do vale do Tejo" (10h), com a presença de Célia Gonçalves, arqueóloga da Universidade do Algarve que tem, nos últimos anos, integrado a equipa que se encontra a efetuar escavações nos Concheiros.
O programa completo e detalhado, com informações exatas sobre os horários e outras atividades paralelas, pode ser consultado na página on-line da Câmara de Salvaterra de Magos.

 



banner comer em casa

 

PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

salvaterra jornadas cultura

PUB

Quem está Online?

Temos 1142 visitantes e 0 membros em linha