app chamuscamicromineiro slide

Sociedade

hospital idosa

BOMBEIROS TIVERAM DE DESLOCAR UMA AUTO-ESCADA PARA O LOCAL

Uma mulher, de 64 anos, internada deste ontem no serviço de psiquiatria, atirou-se esta quinta-feira, 14 de junho, cerca das 8h45, de uma janela do primeiro andar do Hospital de Santarém, sofrendo ferimentos graves.

Segundo fonte policial, a vítima, que deverá ser transferida para o Hospital de S. José, em Lisboa, caiu inicialmente em cima de um terraço, na zona traseira do hospital, junto às oficinas e entrada de serviço, tendo depois caído e saltado para o chão, ato que lhe terá provocado as várias fraturas em diversas partes do corpo.

A mulher, residente no concelho de Santarém, tinha-se sido internada no serviço de psiquiatria devido a um episódio de forte ansiedade e nervosismo que sentiu quando estava a tratar da transferência do companheiro, doente de Parkinson também internado no Hospital de Santarém, para uma unidade de cuidados continuados.

No local estiveram 11 operacionais e cinco viaturas dos Bombeiros Municipais de Santarém, da VMER do Hospital de Santarém e da PSP.

Este é o segundo caso de um doente que se atira de uma janela do Hospital de Santarém este mês. No dia 2, um idoso, de 73 anos, residente no concelho de Coruche, atirou-se de uma janela do 9º andar, tendo morte imediata.

abuso sexual generica

Um homem, de 40 anos, residente no Pego, concelho de Abrantes, ficou em prisão preventiva por estar indiciado pela autoria material de um crime de abuso sexual de crianças agravado, sobre uma menor, na altura com 11 anos de idade, e de dois crimes de coação agravada.

Segundo a Procuradoria da Comarca de Santarém, "os factos relativos ao abuso sexual tiveram lugar durante o verão de 2016 e no dia 7 de maio de 2018 quanto a ambos os crimes de coação agravada, sempre na localidade do Pego".
A decisão foi tomada esta terça-feira, 12 de junho, no Tribunal de Santarém, tendo o Ministério Público evidenciado os perigos de fuga; perturbação do decurso do inquérito ou da instrução do processo; destruição de prova, continuação da actividade criminosa ou perturbação grave da ordem e tranquilidade públicas.

As medidas de coação propostas foram aceites e confirmadas pelo juiz de instrução criminal, ainda que este não tenha relevado o perigo de fuga, invocado face à moldura abstrata máxima de prisão aplicável (20 anos de prisão) a todos os crimes indiciados e perante a probabilidade séria de condenação em prisão efetiva em sede de julgamento.
A investigação está a cargo da Polícia Judiciária, que já havia cumprido os mandados judiciais de detenção fora de flagrante delito e o inquérito está distribuído à secção especializada do DIAP de Abrantes.

riomaiorpiscinasexteriores

A época balnear no complexo de piscinas de Rio Maior arranca esta sexta-feira, 15 de junho, com entradas gratuitas na abertura ao público do espaço exterior, para os dias de sol e calor.

De 15 a 30 de junho, as piscinas estão abertas de segunda-feira a sábado, entre as 9h30 e as 19h00, passando, de 1 de julho a 31 de agosto, a estar aberto durante todos os dias da semana, com o mesmo horário.

As entradas custam 3 euros por dia ou 2,5 euros por meio-dia para adultos, e 2 euros por dia e 1,75 euros por meio-dia para jovens até aos 16 anos.

Nos últimos três anos, o espaço sofreu várias melhorias, casos da ampliação da piscina descoberta, de criação de uma nova área de lazer e recreio e de um tanque para bebés.

Partida em Coruche do Grande Prémio de Ciclismo Abimota - Fotos: João Dinis