app chamuscamicromineiro slide

Sociedade

agua torneira

ATUALIZADA ÀS 14H00

A avaria no autómato do sistema de abastecimento de energia na central de águas está resolvida. O abastecimento está a ser reposto e a empresa Águas do Ribatejo apela aos consumidores que, nesta fase, reduzam os consumos ao estritamente necessário.

NOTÍCIA ORIGINAL

A avaria no sistema de abastecimento de energia na central de águas de Almeirim está a deixar parte da cidade com constrangimentos no serviço ou mesmo sem água.

Segundo a empresa Águas do Ribatejo, a equipa de manutenção já está no local mas não há previsão para a reposição da normalidade.

O presidente da Câmara de Almeirim, Pedro Ribeiro, explica que a avaria teve origem num autómato que gere as bombas de Almeirim (exceto zona industrial) e Tapada e há neste momento falta de água nestas zonas.

“Já foi aberta a ligação, construída recentemente, entre Fazendas de Almeirim e Almeirim, mas a esta hora não permite garantir água nas zonas mais altas”, acrescenta o autarca.

EM ATUALIZAÇÃO

algemado

Um homem, de 42 anos, foi ouvido estas quarta e quinta-feira, dias 13 e 14 de junho, no Juízo Local do Entroncamento, por estar fortemente indiciado do cometimento, em coautoria, de quatro crimes de furto qualificado e de um de furto simples.

O suspeito foi detido na sequência de mandados de detenção fora de flagrante delito emitidos pelo Ministério Público e, na sequência do interrogatório, o tribunal reconheceu os perigos de fuga e de continuação da atividade criminosa que tinham justificado a opção do Ministério Público pela detenção, tendo determinado a aplicação da prisão preventiva.

Segundo a Procuradoria da Comarca de santarém, “os factos em investigação no inquérito ocorreram entre 2016 e 2018, em localidades dos concelhos da Chamusca e de Alcanena, tendo sido o resultado da apensação de vários inquéritos. Investigam-se subtrações de máquinas industriais, agrícolas (e seus componentes), combustível, metais não preciosos (cobre e ferro). Em duas das ocasiões, alegadamente, foram subtraídos motores elétricos industriais, avaliados num total de €200,000,00”.

O arguido estava declarado contumaz, desde o ano 2013, em 4 processos pendentes em tribunais do norte do país.

O inquérito encontra-se a cargo do DIAP do Entroncamento, sendo a investigação executada pelo Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Torres Novas.

ctt abrantes

ATUALIZADA ÀS 17h15

A mulher, de 40 anos, carteira de profissão, detida pela GNR esta quinta-feira, dia 14, suspeita dos crimes de peculato, violação de correspondência e burla informática e nas comunicações, vai ficar a aguardar julgamento em liberdade, estando apenas obrigada a fazer apresentações periódicas no posto da sua área de residência.

segundo a GNR, a funcionária dos CTT, residente na localidade de Valada, concelho do Cartaxo, é suspeita de ter lesando 15 vitimas em cerca de 10 mil euros, e foi ouvida em primeiro interrogatório judicial no tribunal de Santarém.

A arguida ter-se-á apoderado de correspondência que continha no seu interior cartões bancários que eram da titularidade de residentes da localidade de Salvaterra de Magos, suspeitando-se igualmente que tenha utilizado os referidos cartões (de instituições bancárias e cartões Universo, utilizados no Grupo Sonae) para proceder ao levantamento de quantias monetárias.

Segundo a Procuradoria da Comarca de Santarém, a suspeita partiu “da análise de várias denúncias relativas a situações de utilização abusiva de cartões de crédito ocorridas na área geográfica de Coruche e Salvaterra de Magos”.

Na investigação, a cargo do Núcleo de Investigação Criminal de Coruche da Guarda Nacional Republicana e centralizada na secção do DIAP de Benavente, foram feitas várias diligências, que culminaram no cumprimento de mandados de detenção em que a suspeita foi detida.

 

Partida em Coruche do Grande Prémio de Ciclismo Abimota - Fotos: João Dinis