chamusca appelgalego natal2017

Sociedade

incendio ctx

Um incêndio urbano no 3º andar de um bloco de apartamentos no Cartaxo provocou seis feridos, dois dos quais em estado grave, na madrugada desta terça-feira, 5 de dezembro.

A vítima que sofreu ferimentos que inspiram maiores cuidados é um homem que se atirou do 3º andar em pânico, para fugir às chamas, e que sofreu várias fraturas em consequência da queda.

O segundo ferido grave é um homem que sofreu queimaduras na face, na cabeça e nas mãos.

Do incêndio, resultaram ainda dois feridos adultos com queimaduras mais leves nos membros superiores, e duas crianças, de 3 meses e 3 anos, que também foram transportadas ao hospital de Santarém por uma questão de segurança, visto que tinham inalado fumos. Os adultos, três homens e uma mulher, têm idades entre os 32 e os 44 anos.

As chamas deflagraram pelas 4h15 da madrugada, no 3º andar de um prédio na Rua da Horta da Fonte.

Segundo o comandante dos Bombeiros Municipais do Cartaxo, David Lobato, o incêndio ocorreu apenas no apartamento onde se encontravam as seis vítimas.

“O nível de destruição foi bastante elevado”, disse o comandante à Rede Regional, explicando que a casa ficou sem condições de habitabilidade.

Os moradores optaram por ser realojados em casa de familiares.

O combate às chamas envolveu 23 elementos dos Bombeiros Municipais do Cartaxo e Voluntários de Santarém, apoiados por 10 viaturas, tendo também estado no local a VMER do Hospital de Santarém, no socorro às vítimas.

A PSP do Cartaxo está a tentar apurar as causas que deram origem ao incêndio.

 

Primeira Notícia:

 

Um incêndio num terceiro andar de um prédio de três pisos da rua Horta da Fonte, no Cartaxo, provocou na madrugada desta terça-feira, 5 de dezembro, 6 feridos (quatro adultos e duas crianças), 2 deles em estado considerado grave.

Segundo fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém, o alerta foi dado às 04h14 e os feridos, todos transportados ao Hospital de Santarém, sofreram vários tipos de lesões, entre queimaduras e situações traumáticas.

No local estiveram elementos dos Bombeiros Municipais do Cartaxo e Voluntários de Santarém, da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do Hospital de Santarém, e da PSP, num total de 23 operacionais, apoiados por 10 viaturas.

EM ATUALIZAÇÃO.

macaopereirofogueiranatal

A tradicional fogueira de Natal da aldeia do Pereiro, no concelho de Mação, já está a arder desde o dia 1 de dezembro, e vai manter-se acesa até 6 de janeiro, dia de Reis.

A fogueira de Natal foi ateada junto à sede da Associação, e será doravante um local de convívio permanente entre os habitantes, com lanche oferecido aos populares pela coletividade, quase todos os dias, e com destaque para a sopa de canja de galinha caseira.

Recorde-se que, em 2016, a fogueira consumiu cerca de doze toneladas de lenha, obtida com a ajuda da União de Freguesias e dos populares mais dedicados a estas tradições natalícias, e que prometem bater este recorde, mesmo debaixo de chuva.

Cumprindo outra das tradições da aldeia, que se intitula capital das ruas enfeitadas durante os festejos populares do Verão, foi também erguida uma árvore de Natal gigante no centro do Largo do Arraial.

A estrutura tem oito metros de altura, encimada por uma estrela gigante, 3.500 luzes led multicor e está enfeitada de acordo com as tradições usadas nas ornamentações das ruas da terra, por ocasião da Romaria da Senhora da Saúde.

gnr balao

Doze condutores foram detidos na última semana na área do Comando Territorial de Santarém da GNR por conduzirem com mais de 1,2 gramas de álcool por litro de sangue.

Segundo a estatística da guarda, há ainda a registar mais 4 detenções por falta de habilitação legal, 2 por tráfico de estupefacientes e uma por posse ilegal de arma.

De 27 de novembro a 3 de dezembro, a GNr de Santarém detetou 568 infrações, destacando-se 165 por estacionamento indevido; 82 por excesso de velocidade; 28 por falta de cinto de segurança; 23 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução e 20 por excesso de carga.

Nas estradas, registaram-se 79 acidentes, de que resultaram 5 feridos graves e 34 feridos leves.

Na área da fiscalização geral, foram emitidos 18 autos de contraordenação por infrações ambientais.

Futebol: Jogo Coruchense x Mondenense | Fotos: João Dinis