chamusca natalmicromineiro slide

Saúde

IMAGEM DE ARQUIVO / ILUSTRATIVA

O rio Nabão voltou a apresentar esta segunda-feira, 26 de novembro, sinais preocupantes de poluição que já levaram a autarquia a avançar com uma nova queixa junto das entidades competentes para tentar identificar os causadores deste novo foco poluente.

A situação é recorrente sempre que chove com alguma intensidade, como ocorreu no passado fim de semana, sendo que desta vez a água do rio voltou a apresentar água com um tom escuro e uma massa de espuma de cor amarelada, bem visível na zona do mouchão, um dos ex-libris da cidade.

Além da autarquia, de maioria socialista, também a concelhia do PS emitiu um comunicado, onde lamenta "mais um foco de poluição ocorrido no rio Nabão" e exige "que as autoridades competentes atuem e que encontrem os culpados destes sucessivos ataques e eventuais crimes ambientais".

O Bloco de Esquerda também já questionou o Governo sobre esta “nova vaga de poluição”. Salientando que esta já não é a primeira vez que estas situações ocorrem, os bloquistas perguntam "se [o Ministério do Ambiente] já tem conhecimento da ocorrência de nova descarga poluidora (...), se já foram identificadas as origens das fontes poluidores (...), qual o resultado das análises recolhidas" em ETARs e cursos de água, e "que conclusão foi retirada?".

Querem ainda saber "quais os produtos que estão a ser rejeitados no meio hídrico e que medidas o Ministério do Ambiente vai tomar para evitar que novas e sucessivas descargas no Rio Nabão continuem a suceder".

ambulancia inem 02

Pelo menos quatro ambulâncias protocoladas entre o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) e os bombeiros de Alcoentre, Sardoal, Golegã e Alcanena, estão paradas por terem chumbado num nas inspeções do Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT).

A denúncia é dos deputados do PSD eleitos por Santarém, que falam numa “grave desarticulação” entre organismos do Estado (INEM e IMT) que levaram, este último a chumbas as viaturas e a marcar nova inspeção na próxima semana.

Questionado pela agência Lusa, o IMT afirmou que “as ambulâncias referidas estão convocadas para nova inspeção na próxima quarta-feira (28 novembro), sem custos para as entidades, visto que na primeira inspeção o peso dos veículos não cumpria as regras relativas ao peso bruto”, questão que “pode, potencialmente, interferir com a segurança do veículo em circulação, nomeadamente considerando que são veículos que andam em marcha de emergência”.

O IMT esclareceu ainda que “qualquer veículo tem um peso bruto máximo que não pode ser excedido”, que “resulta da soma do peso próprio do veículo (tara) com o peso dos passageiros e da carga”, um “valor definido pelo fabricante do veículo e constante do respetivo certificado de matrícula, não podendo ser ultrapassado”.

Já o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) disse à Lusa que, das 62 novas ambulâncias protocoladas em 2017 que se destinaram a renovar as viaturas mais antigas ou a criar novos Postos de Emergência Médica (PEM), “a quase totalidade encontra-se já ao serviço das populações”, desconhecendo se as corporações que ainda não têm a nova viatura a funcionar já solicitaram ao IMT a emissão de licença de transporte de doentes, já que este processo é tratado diretamente entre as duas partes.

Assim, “na próxima inspeção o equipamento que não faz parte do veículo deve ser retirado, para este poder ser pesado e se determinar o seu peso próprio”, referiu o IMT, salientando: “Se após pesagem a tara do veículo acrescentada do peso dos passageiros e da carga disponível não exceder o peso bruto do veículo, este pode ser aprovado”.

aguas santarem

A empresa municipal Águas de Santarém, que gere os sistemas de abastecimento e saneamento no concelho de Santarém, foi distinguida com o selo de "Qualidade Exemplar da Água para Consumo Humano".

A distinção é atribuída pela entidade reguladora do setor, ERSAR em parceria com o jornal Água & Ambiente e tem como objetivo acompanhar e avaliar o desempenho das entidades gestoras na vertente da qualidade do ativo água.

A cerimónia da entrega das distinções tem lugar esta quinta-feira, dia 22 de novembro, no decurso da 13ª Expo Conferência da Água – Selo da Qualidade Exemplar da Água para Consumo Humano 2018.

"A certificação dos serviços, a par do reconhecimento da qualidade do “produto” são um incremento de excelência para a motivação, o empenho e dedicação dos colaboradores e gestor com inequívoca responsabilidade para o sucesso dos resultados", refere a empresa em comunicado.

Simulacro da Proteção Civil no Entroncamento - Fotos: José Neves