chamuscal apartilhatecfresh2018 slide

 hospital dia abrantes

O Hospital de Abrantes, parte integrante do Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT), EPE, tem desde a manhã desta segunda-feira, 5 de novembro, um novo Hospital de Dia de Medicina Interna, para já instalado numa ala do 10º piso do edifício hospitalar.

"Esta nova valência de hospital de dia na Unidade Hospitalar de Abrantes visa centralizar no Hospital de Dia de Medicina Interna o tratamento de doenças autoimunes e seguir os doentes da consulta desta especialidade. Estes doentes passarão a ser encaminhados para o 10º piso do edifício hospitalar de Abrantes, para as instalações do Novo Hospital de Dia de Medicina Interna, onde estarão serviços administrativos e de prestação de cuidados de saúde", explica uma nota de imprensa do CHMT.

A passagem destes doentes para o Hospital de Dia libertará o espaço da atual Consulta Externa, iniciando-se assim a preparação para as obras de requalificação do Serviço de Urgência Médico-Cirúrgica.

Carlos Andrade Costa, presidente do Conselho de Administração do CHMT, EPE, refere que o investimento realizado nesta abertura do Hospital de Dia de Medicina Interna, de cerca de 70 mil euros, “é um investimento até modesto face aos benefícios que decorrem da abertura deste Hospital de Dia e que resultam numa melhoria significativa da qualidade da prestação de cuidados de saúde e assistencial aos utentes do Médio Tejo”.

Fátima Pimenta, diretora do Serviço de Medicina Interna, sublinha que “o Hospital de Dia de Medicina Interna tem como missão prestar cuidados de saúde especializados, coordenados e tecnicamente qualificados a doentes em ambulatório, por um período não superior a 10 horas, preferencialmente de modo programado e garantindo uma continuidade destes cuidados com outros níveis assistenciais.”

O Hospital de Dia de Medicina Interna é“um espaço destinado ao acompanhamento de doentes em regime ambulatório que necessitam de administração de terapêutica endovenosa, subcutânea, vigilância clínica apertada, assim como realização de técnicas específicas e ações de educação para a saúde do doente e família, fundamentalmente das seguintes áreas: Doenças Autoimunes, Doenças Hematológicas e Doenças Hepáticas”, afirma Fátima Pimenta.

O Hospital de Dia de Medicina Interna vai funcionar de 2ª a 6a feira, das 9h00 às 19h00, com equipa permanente de enfermagem e com um médico sempre disponível. No Hospital de Dia de Medicina Interna haverá uma agenda própria e um contacto telefónico que será fornecido aos doentes caso surja alguma dúvida ou complicação.

Simulacro da Proteção Civil no Entroncamento - Fotos: José Neves