chamusca appmicromineiro slide

Politica

abrantesmarialurdespintassilgo

O projeto “Ouvir o Presente, Cuidar o Futuro: Homenagear Maria de Lourdes Pintasilgo”, que marca o arranque de uma homenagem nacional à falecida ex-primeira ministra, vai ser apresentado em Abrantes, a 18 de janeiro, dia em que completaria 87 anos de vida.

A sessão vai decorrer na biblioteca municipal António Botto, a partir das 10 horas, e será presidida pela secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade, Rosa Monteiro.

A iniciativa é da Fundação Cuidar O Futuro e da Plataforma Portuguesa para os Direitos das Mulheres, em parceria com o Graal, e está enquadrada nas comemorações dos 40 anos da institucionalização da organização que precedeu a Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género (CIG).

santaremsanlopeseleicoespsd

Apesar de ter perdido para Rui Rio a nível nacional e no distrito, Pedro Santana Lopes foi o candidato a presidente do PSD mais votado na concelhia de Santarém, nas eleições diretas do passado sábado, 13 de janeiro.

A lista que apoiava o ex-provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, obteve 170 votos, contra 154 na lista que apoiava Rui Rio, tendo-se ainda registado dois votos em branco e dois votos nulos.

No que se refere à eleição para os delegados ao próximo congresso do PSD, que decorreu em simultâneo, os resultados foram substancialmente diferentes: a lista A aumentou o número de votos para 184 e a lista R caiu para 121 militantes, tendo-se registado 15 votos em branco e quatro nulos.

Para o 37º congresso nacional do PSD, que se realiza em Lisboa nos próximos dias 16, 17 e 18 de fevereiro, a lista A elegeu os quatro primeiros elementos, Nuno Cardigos, Carla Neto, Ricardo Rato e Cristina Casanova Martins, ao passo que a lista R elegeu Diogo Gomes e João Neves.

No que se refere à votação total a nível distrital, o ex-presidente da Câmara Municipal do Porto obteve 60% dos votos dos social-democratas ribatejanos (845 votos), contra os 39,9% de Santana Lopes (561 votos), tendo-se ainda registado 0,01% de votos brancos e nulos.

Dos 2.211 militantes com capacidade eletiva, votaram 1425 em todas as secções do distrito, o que corresponde a uma taxa de participação de 64,45%.

Nos resultados secção a secção, além de Santarém, Pedro Santana Lopes foi o candidato mais votado em cinco concelhos, Mação, Alcanena, Golegã, Salvaterra de Magos e Barquinha, ao passo que Rui Rio venceu em Abrantes, Almeirim, Alpiarça, Benavente, Cartaxo, Chamusca, Constância, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Rio Maior, Sardoal, Tomar, Torres Novas e Ourém.

Sobra Coruche, onde se registou um empate na divisão de votos entre os dois candidatos.

salvaterrareservaecologica

A Câmara Municipal de Salvaterra de Magos vai criar uma reserva arqueológica no concelho, tendo já assinado um protocolo com a Direção-Geral do Património Cultural (DGPC).

Os objetivos são a “salvaguarda do património arqueológico existente no território concelhio e a aplicação de uma estratégia concertada de recolha e estudo de informação arqueológica relevante para o conhecimento da história do concelho”, segundo uma nota de imprensa da autarquia.

Este será o primeiro passo para a criação do museu “A Lezíria e a Charneca”, um projeto que o atual executivo municipal pretende vir a concretizar neste mandato.

“A intenção é reunir num mesmo espaço as várias tradições, potencialidades, usos e costumes do concelho”, explicou o presidente da Câmara, Hélder Esménio.

A DGPC compromete-se a colaborar “com o município na organização e planeamento dos meios necessários a uma correta política de arqueologia no concelho, entre outros”, ao passo que cabe à Câmara “desenvolver iniciativas de sensibilização para a importância do património cultural e, em particular, o património arqueológico”.

Santarém: Carnaval Escolar