chamusca appmicromineiro keepcalm

Politica

eleicoes autarquicas 2017

O PSD confirmou esta terça-feira, 31 de janeiro, após reunião da Comissão Política Nacional, o nome de seis cabeças de lista do partido às eleições autárquicas deste ano no distrito de Santarém.

António da Fonseca Castelbranco (Abrantes), Jorge Gaspar (Cartaxo), Liliana Santos Pinto (Coruche), Vasco Estrela (Mação), Miguel Borges (Sardoal) e Luís Filipe Boavida (Tomar), são os 6 nomes aprovados pelo partido na região, de um total de 46 candidatos revelados em todo o país.

Atualmente, de todo o universo autárquico, há 173 candidaturas do PSD às presidências dos municípios que aguardam aprovação das distritais do partido e 89 que ainda estão dependentes das comissões políticas concelhias.

abrantesmariadoceurecandidatura

A comissão política concelhia do PS de Abrantes aprovou por unanimidade a recandidatura da atual presidente da Câmara, Maria do Céu Albuquerque, nas próximas eleições autárquicas, que se realizam no último trimestre de 2017.

Na última reunião deste órgão, realizada na segunda-feira, 30 de janeiro, a autarca manifestou a sua disponibilidade para ser cabeça de lista do PS e “dar continuidade ao projeto” que iniciou há oito anos.

Em comunicado, o PS Abrantes “congratula-se pela continuidade de um projeto centrado nas pessoas, nas instituições, nas organizações, em suma, numa «Comunidade + Viva», com determinação e persistência”.

Recorde-se que Maria do Céu Albuquerque, que foi vereadora de Nelson de Carvalho, venceu as autárquicas de 2013 com 47,35% dos votos, conquistando cinco dos sete mandatos na autarquia.

Em Abrantes, o PSD já anunciou também o arquiteto António Castelbranco como o cabeça de lista às próximas autárquicas.

torresnovasPEDUinvestimento

A Câmara Municipal de Torres Novas promete investir cerca de 7,3 milhões de euros em obras de reabilitação urbana até 2020, ao abrigo do seu Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) para o concelho.

O PEDU foi apresentado em conferência de imprensa na biblioteca municipal Gustavo Pinto Lopes, onde o executivo que lidera a autarquia disse pretender que os torrejanos conheçam as propostas do plano e contribuam com sugestões para o mesmo.

Segundo Pedro Ferreira, o presidente da Câmara, o PEDU quer tornar, Torres Novas “numa referência do centro do país. Estamos a preparar-nos para o futuro, a fazer as reformas necessárias para melhorar a condição de vida dos torrejanos e da região, seja em termos sociais, ambientais, demográficos ou económicos”.

“A reabilitação do património, tornar a cidade mais sustentável e dotá-la de mais e melhores infraestruturas são peças-chave para reter os torrejanos, conquistar novas pessoas e empresas para a região”, sublinhou o autarca.

Os munícipes interessados em conhecer o documento na íntegra deverão aceder ao website www.pedu.cm-torresnovas.pt, efetuar o registo e preencher o formulário disponível. 

Desert Challenge 2017