chamusca appcoruche sabores-tasquinhas

Politica

abrantesorcamentoparticipativo

A cidade de Abrantes vai receber um encontro para divulgação e recolha de propostas para o Orçamento Participativo Portugal (OPP), uma iniciativa do Governo que permitirá aos cidadãos determinar o destino de 5 milhões de euros do Orçamento de Estado.

A sessão realiza-se no próximo dia 26 de março, pelas 18h30, na biblioteca municipal António Botto, onde a população do concelho é convidada a apresentar e defender as suas ideias para a sua região ou para o país.

Neste encontro participativo, os cidadãos podem apresentar a sua ideia, enquanto a equipa do OPP explicará todo o processo - o que pode ou não concorrer e porquê - e ajudar os interessados a formalizarem as suas propostas.

alcanenaministrolimpeza

Manuel Heitor, o ministro da Ciência e Ensino Superior, e Rosália Vargas, a presidente da Agência Nacional Ciência Viva, são esperados em Alcanena este sábado, 24 de março, às 15 horas, para participar numa ação de limpeza da floresta nos Olhos d’Água, junto ao Centro Ciência Viva do Alviela. A presidente da Câmada de Alcanena, Fernanda Asseiceira, acompanhrá a visita.

A presença do ministro surge na sequência da campanha nacional de limpeza da floresta lançada pelo governo, em que vão decorrer, em todo o país, ações de remoção de lixos e matéria combustível em zonas de mato para prevenir incêndios florestais no próximo Verão.

“A Ciência Viva é uma das entidades que vai colaborar ativamente nas ações, pelo que o Centro Ciência Viva do Alviela, em cooperação com o Gabinete Técnico Florestal da Câmara Municipal de Alcanena, sapadores florestais e o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, lançam o desafio a todos os que se queiram voluntariar para colaborar na limpeza do terreno junto ao edifício do Centro e limpeza do Percurso Interpretativo das Nascentes do Alviela”, explica uma nota de imprensa da autarquia.

A população está convidada a envolver-se na iniciativa, devendo levar as ferramentas necessárias para a ação de limpeza de mato.

alcanenaestradamindeserra

A Câmara Municipal de Alcanena emitiu um comunicado onde lamenta o vandalismo que tem ocorrido na estrada que ligas as freguesias da Serra de Santo António e Minde, tendo em conta as “informações técnicas que reportam o grau de perigosidade do troço sujeito a corte de trânsito”.

Segundo a autarquia, têm-se verificado nos últimos dias a destruição das estruturas e da sinalética colocada no local, onde ocorrem regularmente acidentes de viação.

A Câmara de Alcanena “tinha já assumido o compromisso de reabilitar este troço de estrada no ano de 2018, estando a diligenciar todos os procedimentos para que essa intervenção ocorra no mais curto espaço de tempo, prevendo iniciar os trabalhos no mês de abril de 2018”, lê-se ainda no comunicado da autarquia.

No documento, a Câmara lamente “os constrangimentos pessoais e económicos que a situação provisória possa causar”, e apela à “compreensão de todos, pois a segurança das pessoas encontra-se em primeiro lugar na tomada das decisões”.

Cerimónia de Apresentação Santarém Cup 2018