chamusca natalmicromineiro slide

Educação

igualdade

Cerca de meio milhar de participantes, entre crianças e adultos, participaram, de 23 a 26 de outubro, nas comemorações do Dia Municipal para a Igualdade no Concelho de Salvaterra de Magos, uma parceria entre a autarquia e o Núcleo Distrital de Santarém da EAPN - European Anti Poverty Network (Rede Europeia Anti-Pobreza).

A iniciativa envolveu um conjunto de atividades desportivas intergeracionais que percorreram as freguesias do Concelho, envolvendo participantes de várias idades e proporcionando momentos de partilha, sensibilizando para a construção de uma consciência cívica e social e para a criação de uma sociedade mais integradora, inclusiva e igualitária.

A vereadora com o pelouro da ação social na Câmara Municipal de Salvaterra de Magos, Helena Neves, considera que estas iniciativas "são momentos importantes de educação para a cidadania" e que "os encontros de mais novos com mais velhos, são sempre espaços de grandes aprendizagens e de fortalecimento das relações humanas".

"Estes são passos fundamentais no caminho de construção de uma sociedade mais inclusiva, mais igualitária, mais respeitadora dos direitos humanos", acrescentou.

Os participantes foram também convidados a deixar um registo escrito ou em desenho alusivo ao tema “Para mim Igualdade é …”, um mural que ficará agora exposto nas várias localidades.

 alugasequartos

O preço médio do arrendamento para estudantes no distrito de Santarém baixou este ano, contrariando a tendêcia nacional, em que se registou uma subida, avança a agência Lusa.

Lisboa mantém-se a cidade mais cara para alojamento de estudantes, com uma renda média por quarto de 323 euros no portal Idealista, de 485 euros na plataforma Uniplaces e 498 euros no Imovirtual.

Além da capital, as rendas aumentaram ainda em Aveiro, Braga, Coimbra, Covilhã, Porto e Setúbal, segundo dados das plataformas imobiliárias, que revelam ainda que, além de Santarém, a variação foi negativa em Vila Real e Viseu.

Segundo o portal Imovirtual, a cidade universitária de Vila Real foi a que verificou maior redução dos preços, com uma variação negativa de 52%, uma vez que a renda de 270 euros em 2017 passou para 130 euros em 2018.

Além de Vila Real, os dados apontam para uma variação negativa de 31% na cidade de Viseu, com o valor média da renda a cair de 200 euros para 138 euros.

Já em Santarém, a variação de preços foi negativa entre 2017 e 2018, com uma descida de 8,4%, passando de 185 euros para 169 euros, segundo este portal imobiliário.

santaremCMSofertalivros

A Câmara de Santarém ofereceu o livro "Água doce, fluir com o rio", da autoria de Danuta Wojciechowska e Joaninha Duarte, aos agrupamentos de escolas do concelho, numa cerimónia que decorreu no Clube de Canoagem Scalabitano, na Ribeira de Santarém.

Os agrupamentos de escolas Afonso Henriques, Alexandre Herculano, Sá da Bandeira e Ginestal Machado receberam 76 livros para as bibliotecas das escolas básicas do Concelho, tendo ainda sido entregues quatro livros à Casa do Ambiente, à biblioteca municipal Braamcamp Freire, à sala de leitura Bernardo Santareno e à biblioteca Salgueiro Maia.

A obra, segundo uma nota de imprensa da autarquia, “explora o maravilhoso mundo da água doce, um recurso limitado e precioso”, pretendendo “chamar a atenção para a importância e a urgência de proteger os cursos de água e os seus ecossistemas”.

Simulacro da Proteção Civil no Entroncamento - Fotos: José Neves