chamusca baguncadabanner tasquinhas2017

Educação

santarempernesreabilitaralviela

Parte das árvores que alguns alunos da Escola D. Manuel I de Pernes, concelho de Santarém, plantaram junto ao rio Alviela foram arrancadas e vandalizadas por desconhecidos, um dia depois da sua colocação na terra.

A plantação das árvores foi feita na terça-feira, 7 de fevereiro, no âmbito de mais uma ação do projeto municipal “reabilitar troço-a-troço”, que incidiu na margem esquerda do rio, junto à ponte romana de Pernes.

Além de responsáveis da Câmara de Santarém, da Junta de Freguesia de Pernes e de elementos da Equipa Multidisciplinar de Ação para Sustentabilidade (EMAS), a ação envolveu também cerca de 30 alunos de duas turmas dos 8º e 9º anos e quatro professores de ciências naturais da EB D. Manuel I.

Segundo uma nota de imprensa da Câmara de Santarém, além de plantar as árvores autóctones, o grupo procedeu também à aplicação de uma estacaria viva de salgueiro, uma técnica de engenharia natural para estabilização do talude.

Na sua página do Facebook, a vereadora Inês Barroso, que tem os pelouros da educação e ambiente na Câmara de Santarém, classificou a situação como uma “tristeza” e garantiu que os alunos vão voltar a plantar as árvores porque “não merece estes atos de vandalismo”.

corucheescolaprofCNOO Centro Qualifica (CQ) da Escola Profissional de Coruche foi inaugurado na passada segunda-feira, 6 de fevereiro, dia em que dezenas de alunos adultos tiveram a sua primeira sessão para a conclusão do ensino básico e secundário.

Constituído por uma equipa de 13 profissionais em educação e formação de adultos, o CQ de Coruche vai desenvolver processos de reconhecimento, validação e certificação de competências (RVCC) adquiridas pelos adultos ao longo da vida.

Além de proporcionar um serviço de informação, orientação e encaminhamento com vista à obtenção de uma qualificação escolar ou profissional de nível básico e secundário, o CQ fará também o encaminhamento para o ensino superior.

“Foi com muito orgulho que vi aprovada a candidatura do Centro Qualifica”, salientou Salomé Rafael, presidente da direção da Escola Profissional de Coruche, sustentando que muitos adultos têm contactado a instituição com o objetivo de concluírem o 9º e o 12º ano.

Na cerimónia de inauguração, o presidente da Câmara de Coruche, Francisco Oliveira, referiu que “é muito importante aumentar as qualificações” e lembrou que “muitas empresas, públicas e privadas, exigem habilitações académicas mais altas como condição para o exercício de determinadas profissões”.

almeirimheroisdafruta

Durante este ano letivo, a Câmara Municipal de Almeirim está a dinamizar o projeto “heróis da fruta” num total de 22 turmas de vários jardins-de-infância e escolas do 1º ciclo do concelho.

Como o nome indica, este é um projeto que pretende aumentar o consumo de fruta nos lanches das crianças, promovendo escolhas mais saudáveis, em que, diariamente, é preenchido um quadro na sala de aula em que todos os alunos que consomem fruta ganham uma estrela.

No início do projeto, em Outubro de 2016, foi realizado a todos os alunos um inquérito em que cada criança foi medida, pesada e convidada a responder a quatro perguntas sobre os seus hábitos alimentares.

Todos os dados foram submetidos na plataforma do projeto, num questionário que será repetido para comparar ver as diferenças.

No concelho, estão a participar 12 turmas do Centro Escolar dos Charcos, cinco do Moinho de Vento, duas do Jardim-de-Infância nº1, e três do Centro Escolar de Fazendas de Almeirim.

Balonismo em Coruche - Fotos João Dinis