chamusca appTecfresh17

Educação

concursoEPSMpremio

Os projetos apresentados pela Escola Profissional de Salvaterra de Magos (EPSM) e pela Escola Profissional de Coruche (EPC) estiveram em destaque na edição de 2017 do “AptiPro”, um concurso de protótipos tecnológicos que decorreu no Instituto Profissional da Bairrada, em Oliveira do Bairro.

No que se refere à EPSM, o projeto “Green Food Balance” arrecadou dois prémios, o 1º lugar a nível nacional e a distinção “Escola Preferida”.

O “Green Food Balance” é um projeto que tem por objetivo viabilizar a transformação dos mais diversos produtos hortofrutícolas em ração para herbívoros e omnívoros, onde, além do reaproveitamento, o excedente da matéria-prima para a ração será utilizado como fertilizante orgânico.

A sua mais valia foi confirmada através do contacto com o tecido empresarial, mais especificamente com as empresas do grupo ETSA, que mostraram interesse no projeto.

Ainda da EPSM, o projeto “Clean Cutlery”, que venceu recentemente o concurso “Ciência na Escola” da Fundação Ilídio Pinho, foi também um dos finalistas no “AptiPro 2017”.

“Os resultados alcançados são consequência do esforço e do trabalho de uma equipa de bons alunos e professores, cujo energia e dedicação alcançam, nestes momentos, o reconhecimento de várias entidades", referiu o diretor-geral da EPSM, Duarte Bernardo, lembrando que “este tem sido um ano cheio de prémios para a escola”.

concursoEPCpremioNo que se refere à EPC, o projeto “Linha Transformadora de Milho”, recebeu uma menção honrosa neste “AptiPro 2017”.

O projeto apresentado pelos alunos Miguel Pereira e João Santos, do 12º ano do curso técnico de manutenção industrial / eletromecânica, foi um dos seis finalistas entre os 28 a concurso.

Os alunos receberam um prémio monetário de 100 euros, e a escola um cheque-vale em equipamentos no valor de 200 euros.

constanciaesplanadaleitura

A Escola Adães Bermudes, em Montalvo, no concelho de Constância, vai ter uma esplanada dedicada à leitura a partir de segunda-feira, 17 de julho, um espaço dedicado à cultura que se manterá em funcionamento até dia 1 de setembro.

“Esplanada de Leitura -Ler com O’Neill” é o nome desta atividade promovida pela biblioteca municipal Alexandre O’Neill, onde serão disponibilizados “para leitura domiciliária e presencial, livros, revistas, jornais e jogos didáticos”, segundo uma nota de imprensa da Câmara de Constância, que acrescenta que o espaço dinamizará ateliers de trabalhos manuais para os mais novos.

Promover o livro e a leitura em tempo de férias é o principal objetivo deste projeto, que funcionará entre as 9 e as 19 horas, durante a semana, e que é apoiado pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ), no âmbito do “Programa de Ocupação de Tempos Livres -Longa Duração”.

O atual presidente da Fundação INATEL, da Assembleia Municipal de Salvaterra de Magos e da Assembleia da Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo, Francisco Madelino, é o novo presidente do Conselho Geral do Instituto Politécnico de Santarém (IPS).

Licenciado em Economia pelo Instituto Superior de Economia e Gestão da Universidade de Lisboa, Madelino é ainda docente de Economia do Trabalho no ISCTE, tendo presidido ao Instituto de Emprego e Formação Profissional durante sete anos.

Em declarações à agência Lusa, Francisco Madelino explicou que aceitou o desafio para integrar, como membro externo cooptado, o órgão que reúne representantes de professores, alunos e pessoal não docente das cinco escolas do IPS, no âmbito da “intervenção cívica muito forte” que tem tido no Ribatejo e por acreditar que esta instituição de ensino superior é “fundamental” para desenvolver a inovação na região.

O Conselho Geral do IPS inclui ainda o deputado do PCP eleito pelo distrito de Santarém António Filipe, o antigo presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) de Lisboa e Vale do Tejo, António Fonseca Ferreira, o presidente da Comissão Executiva da Associação Empresarial da Região de Santarém (Nersant) e ex-deputado do PSD, António Campos.

Manuel Santana Castilho, que já foi presidente da Escola Superior de Educação do IPS e é atualmente consultor na área da Educação, e Nelson Baltazar, que foi governador civil de Santarém e deputado (PS) e é atualmente assessor do presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar Lisboa Norte, são os outros elementos cooptados.

O Conselho Geral do IPS integra ainda 11 representantes dos professores, três dos estudantes e um do pessoal não docente, num total de 21 membros.

Futebol: Jogo Coruchense x Mondenense | Fotos: João Dinis