chamusca appelgalego natal2017

Educação

abrantesCresSerprojeto

A “Cres.Ser”, Associação de Desenvolvimento Pessoal e Comunitário, em Abrantes, vai realizar durante o mês de novembro um projeto que recebeu o nome de “kit de sobrevivência para pais”, dividido em quatro sessões dedicadas ao trabalho de cultura parental.

O programa arranca este sábado, 4 de novembro, com “Ensine o seu filho a dormir”, com a pediatra Ângela Pereira, no cinema Millenium, a partir das 10 horas.

No dia 11 de novembro, segue-se a sessão “O declínio da infância: medo e superproteção, iliteracia motora e ausência do brincar no exterior, com Carlos Neto, investigador da Faculdade de Motricidade Humana da Universidade de Lisboa, e, para dia 18, está marcada a conferência “S.O.S. Bullying, sinais de alerta”, com Cátia Vaz, educadora social.

Estas duas iniciativas vão também decorrer no cinema Millenium, no mesmo horário.

O projeto encerra a 21 de  novembro, com “A depressão também dói”, pela Associação de Saúde Mental do Médio Tejo, na Biblioteca António Botto, em Abrantes, às 21h30.

abrantesescolaDRmanuelfernandes

A Escola Secundária Dr. Manuel Fernandes, em Abrantes, decidiu suspender o pagamento das rendas à Parque Escolar, por falhas na manutenção do edifício que se arrastam desde 2015.

A notícia é avançada pelo jornal “i”, que adianta que a direção do estabelecimento decidiu dizer “basta” a esta situação e já comunicou ao Ministério da Educação que, a partir do mês de novembro, vai reter a verba referente às rendas devidas à empresa pública responsável pela requalificação que a escola sofreu entre 2011 e 2015, e que custou qualquer coisa como 13 milhões de euros.

Anualmente, a escola paga uma renda de 500 mil euros à Parque Escolar, a que acrescem outros 100 mil euros referentes à manutenção, mas nunca foi alocado nenhum técnico responsável pela gestão das avarias que vão surgindo nos edifícios escolares.

A decisão da escola foi comunicada por carta no final da semana passada, adianta o “i”, acrescentando que, segundo Alcino Hermínio, o pagamento da renda só será retomado quando a empresa apresentar e der “início à execução de um calendário credível de manutenção e resolução dos problemas existentes”.

Em causa, segundo o diretor da Dr. Manuel Fernandes, citado pelo “i”, está “uma grande lista” de avarias e pequenas coisas que perturbam o funcionamento normal e rotineiro, entre portas e fechaduras avariadas há mais de dois anos, vidros partidos e até um descascador de batatas que nunca funcionou.

Contatada pelo mesmo jornal, a Parque Escolar disse ao “i” que “o processo de contratação de um técnico polivalente residente encontra-se em curso”, e que a manutenção do edifício “tem sido assegurada, com assistência numa base semanal, não estando em causa a resposta às necessidades da escola”.

santarempsicologosalexandreherculano

O hastear da bandeira "Escola SaudávelMente" marcou simbolicamente a atribuição do “Selo pelas Boas Práticas em Saúde Psicológica e Sucesso Educativo” ao Agrupamento de Escolas Alexandre Herculano, em Santarém.

A distinção, atribuída pela Ordem dos Psicólogos Portugueses (OPP), decorreu durante a tarde de segunda-feira, 30 de outubro, numa cerimónia que contou com a presença do bastonário da ordem, Francisco Miranda Rodrigues.

O agrupamento foi escolhido pela OPP para o ato do hastear da bandeira em representação da distinção atribuída a 99 escolas de todo o país, num reconhecimento pretende distinguir as escolas onde as políticas e práticas educativas demonstram um compromisso efetivo com a promoção do desenvolvimento, da aprendizagem, e da saúde psicológica de toda a comunidade educativa.

As dimensões avaliadas em cada escola para a atribuição desta distinção foram a estrutura, organização e clima da escola, a saúde psicológica e o sucesso educativo, a literacia em educação para a saúde psicológica, a saúde psicológica dos agentes educativos e o envolvimento da família e da comunidade.

A cerimónia contou com a presença de vários representantes da Câmara de Santarém, do agrupamento Alexandre Herculano, do Ministério da Educação, da Santa Casa da Misericórdia de Santarém, do Lar de Santo António e da APPACDM, além do bastonário da OPP, que foi posteriormente recebido na Câmara de Santarém pelo presidente Ricardo Gonçalves, e pelos vereadores Inês Barroso e Jorge Rodrigues.

Futebol: Jogo Coruchense x Mondenense | Fotos: João Dinis