chamusca natalmicromineiro slide

escola almoster-1

Um mês depois das crianças começarem a utilizar o novo espaço, as obras de ampliação e requalificação da Escola Básica de Almoster, que agora acolhe os meninos do 1º Ciclo e Jardim de Infância, foram inauguradas oficialmente esta quarta-feira, 21 de fevereiro.

O edifício passa a dispor duma estrutura com um hall, duas salas para alunos do primeiro ciclo, uma sala para jardim-de-infância, uma sala polivalente, uma copa de apoio, uma zona para funcionários, sanitários novos, com uma parte adequada aos alunos do pré-escolar, e outro WC para pessoas com mobilidade reduzida.

A obra, orçada em cerca de 250 mil euros, proporciona melhores condições pedagógicas, uma vez que, nas turmas que reuniam os quatro anos de escolaridade em três estabelecimentos dispersos, passa a existir uma turma para alunos de primeiro e segundo ano e outra para alunos de terceiro e quarto ano.

Ao todo, a escola reúne agora 44 alunos, 22 a frequentar o ensino Pré-Escolar e outros 22 a frequentar o 1º Ciclo, tendo em conta que alguns dos alunos, sobretudo de Casal da Charneca, passaram para a escola da freguesia vizinha da Póvoa da Isenta.

Além de autarcas e responsáveis pela educação na região, a cerimónia juntou alunos, pais e população em geral, numa cerimónia com cerca de duas horas que incluiu momentos de poesia, música e dança, pelos alunos desta escola, por um grupo de avós dos alunos, coordenadas por Serafina Moreira, e do Rancho Folclórico de Vila Nova do Coito, dirigido por Vítor Gaspar.

Mais obras a caminho

Na cerimónia de inauguração da escola, o presidente da Câmara de Santarém, Ricardo Gonçalves, garantiu que o município vai continuar a apostar na educação, nomeadamente através do investimento nas obras nas escolas básicas da Portela das Padeiras e do Vale de Santarém, cujos concursos estão a decorrer, de modo a adequar o Parque Escolar do Concelho às necessidades, e dando assim resposta às situações em que a Carta Educativa aponta como aquelas que necessitam de intervenção mais urgente.

A par destas obras, vão ser feitas intervenções na Escola Básica de Amiais de Baixo (cobertura), e na Escola do Mergulhão (espaço exterior).

Simulacro da Proteção Civil no Entroncamento - Fotos: José Neves