chamusca pinoquioavisan2017

salvaterraEPSMestirilizadora

O projeto “Clean Cutlery”, desenvolvido por alunos do curso de eletrónica da Escola Profissional de Salvaterra de Magos (EPSM), recebeu uma menção honrosa e um prémio pecuniário de 3 mil euros da Fundação Ilídio Pinho.

Este equipamento que separa e esteriliza talheres convenceu não só o júri do “Ciência na Escola”, um concurso para projetos escolares inovadores, como o próprio presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, que elogiou o trabalho desenvolvido pelos alunos.

O chefe de Estado ficou impressionado com o projeto, que esteriliza individualmente cada talher, de forma a matar as bactérias alimentares após a sua utilização e lavagem, e ainda os embala.

"Saúdo com elevação o trabalho desenvolvido pelos nossos alunos e professores", referiu Duarte Bernardo, diretor-geral da EPSM, para que são “momentos destes que nos fazem acreditar que vale a pela apostar na educação dos nossos jovens".

Futebol: Jogo Coruchense x Mondenense | Fotos: João Dinis